Ordenação

Tipo de Verbete

Filtros

Áreas de Expressão
Artes Visuais
Cinema
Dança
Literatura
Música
Teatro

Período

Temas


Enciclopédia Itaú Cultural
Artes visuais

Torquato Bassi

Por Editores da Enciclopédia Itaú Cultural
Última atualização: 11.04.2017
28.02.1880 Itália / Emília Romana / Ferrara
07.07.1967 Brasil / São Paulo / São Paulo
Reprodução fotográfica autoria desconhecida

Marinha
Torquato Bassi
Óleo sobre tela, c.i.e.

Torquato Bassi (Ferrara, Itália 1880 - São Paulo SP 1967) Pintor, escultor e decorador. Sua família muda-se para o Brasil em 1893. Estuda pintura no Liceu de Artes e Ofícios, na cidade de São Paulo, com o pintor ítalo-brasileiro Aladino Divani (1878-1928). Realiza sua primeira individual em 1907, na Casa Bevilacqua, em São Paulo. No ano seguinte...

Texto

Abrir módulo

Biografia

Torquato Bassi (Ferrara, Itália 1880 - São Paulo SP 1967) Pintor, escultor e decorador. Sua família muda-se para o Brasil em 1893. Estuda pintura no Liceu de Artes e Ofícios, na cidade de São Paulo, com o pintor ítalo-brasileiro Aladino Divani (1878-1928). Realiza sua primeira individual em 1907, na Casa Bevilacqua, em São Paulo. No ano seguinte, é premiado com a medalha de ouro na Exposição Geral de Belas Arte (AGBA), no Rio de Janeiro. Organiza a 1ª Exposição Brasileira de Belas-Artes, no Liceu de Artes e Ofícios em 1911, expondo 14 paisagens. Em 1913, muda-se para França, onde estuda na Académie Julian com o pintor francês Jean-Paul Laurens (1838-1921) e frequenta o ateliê de Henri-Joseph Harpignies (1819 - 1916). Sustenta-se pintando cenários. Um ano e meio depois, retorna ao Brasil, viaja pelo Sul e Nordeste do país expondo seus trabalhos e continua suas atividades como incentivador cultural. Cria o Grupo Almeida Junior com o objetivo de dinamizar e unir o meio artístico e promove duas exposições: a primeira no Teatro Municipal, em 1928, e a segunda no Palácio das Arcadas, em 1929, ambas em São Paulo. É um dos fundadores da Associação Paulista de Belas-Artes, em 1942, e do Prêmio Alvares Penteado, em 1960. Nas décadas de 1930 e 1940 expõe várias vezes no Sindicato de Artistas Plásticos, apesar de este congregar preferencialmente os artistas da ala moderna. Em 1956, recebe a medalha de honra oferecida pelos artistas da Associação Paulista de Belas-Artes, e, em 1961, é agraciado com o título de Cidadão Paulistano.

Análise

Torquato Bassi trabalha no fim do século XIX e início do século XX, sendo um dos pintores paulistas precursores do modernismo. Dedica-se à pintura de paisagens e de naturezas-mortas. Raras vezes se interessa pela figura humana e quando elas aparecem, estão integradas ao meio natural e têm pequenas dimensões. Há nesse período uma tensão entre a tradição da pintura européia e a busca por uma pintura nacional, com inspiração em paisagens, cores e temas brasileiros. Torquato Bassi situa-se entre a corrente representada por Pedro Américo (1843-1905), de caráter europeu, e o nacionalismo regionalista de Almeida Junior (1850-1899). Segundo a pesquisadora Ruth Sprung Tarasantchi, Torquato Bassi pertence ao grupo de artistas que tem a luz como principal tema. Junto com ele estão os pintores Valle Júnior (1889-1958), Campos Ayres (1881-1944) e Mugnaini (1895-1975), entre outros. Pela harmonia das cores e tons de suas pinturas, Bassi fica conhecido como "o poeta do anoitecer", pois capta o céu avermelhado do poente e o trata com pinceladas grossas e volumosas, raramente utilizando cores puras. Mistura-as com o branco, o que lhes confere um tom "acinzentado, leitoso e consequentemente poético"¹. Torquato é também conhecido pela sua atuação como agitador cultural, participando da organização de exposições, associações e do conhecido Grupo Almeida Junior.

Notas

1 TARASANTCHI, Ruth Sprung. Pintores paisagistas: São Paulo. 1890 a 1920. São Paulo: Edusp: Imprensa Oficial, 2002, p. 219.

Obras 3

Abrir módulo
Reprodução fotográfica autoria desconhecida

Marinha

Óleo sobre tela
Reprodução Fotográfica Romulo Fialdini

Paisagem

Óleo sobre tela

Exposições 73

Abrir módulo

Fontes de pesquisa 17

Abrir módulo
  • AZEVEDO, Valéria Silva Vicente de (org.). Iconografia paulistana em coleções particulares. Apresentação Francisco de Paula Simões Vicente de Azevedo, José Roberto Teixeira Leite. São Paulo: Sociarte, 1999. 80 p., il. color. Não catalogado
  • BRAGA, Theodoro. Artistas pintores no Brasil. São Paulo: São Paulo Editora, 1942. R703.0981 B813a
  • CHIARELLI, Tadeu. Torquato Bassi. Galeria: revista de arte, São Paulo: Area Editorial, n8, p.94-95, 1988.
  • GULLAR, Ferreira (et. al). 150 anos de pintura no Brasil: 1820-1970. Rio de Janeiro: Colorama, 1989. R703.0981 P818d
  • IV Mostra de Arte. Curadoria Angelo Iacocca. Osasco: FIEO, 1996. 12 p. il. color.
  • IV Mostra de Arte. Curadoria Angelo Iacocca; fotografia Romulo Fialdini. Osasco: FIEO, 1996. 12 p., il.color. SPfieo 1996/m
  • LOBATO, Monteiro. A. Fernandez e Torquato Bassi. Revista do Brasil, São Paulo, n. 46 (out. 1919), ano IV, V. 12, p. 178.
  • MARINHAS em grandes coleções paulistas. Curadoria John Lionel Toledano. São Paulo: Sociarte, 1998. SPsociarte 1998/m
  • MARINHAS em grandes coleções paulistas. Curadoria John Lionel Toledano; apresentação Max Justo Guedes; texto Francisco de Paula Simões Vicente de Azevedo. São Paulo: Sociarte, 1998. 32p. il. color.
  • MARTINS, Ibiapaba. Brasil: 70 anos de vida quase 70 de pintura. Correio Paulistano, 21. nov. 1954.
  • REIS JÚNIOR, José Maria dos. História da pintura no Brasil. Prefácio Oswaldo Teixeira. São Paulo: Leia, 1944.
  • REIS JÚNIOR, José Maria dos. História da pintura no Brasil. Prefácio Oswaldo Teixeira. São Paulo: Leia, 1944. 759.981 R375h
  • SÃO PAULO (ESTADO). SECRETARIA DA CULTURA. Pintores Italianos no Brasil. São Paulo: Governo do Estado de São Paulo. Secretaria de Estado da Cultura/Sociarte, 1982.
  • SÃO PAULO (ESTADO). SECRETARIA DA CULTURA. Pintores Italianos no Brasil. São Paulo: Governo do Estado de São Paulo. Secretaria de Estado da Cultura/Sociarte, 1982. 759.98104 V441p
  • TARASANTCHI, Ruth Sprung. Pintores Paisagistas: São Paulo 1890 a 1920. São Paulo: Edusp : Imprensa Oficial do Estado de São Paulo, 2002. p. 213-221.
  • TORQUATO Bassi. Apresentação de Ruth Sprung Tarasantchi. São Paulo: Centro Cultural São Paulo, 1988. Não catalogado
  • Torquato Bassi. Galeria: revista de arte, Sao Paulo: Area Editorial, n.8, p.94-95,1988. P37/8/88

Como citar

Abrir módulo

Para citar a Enciclopédia Itaú Cultural como fonte de sua pesquisa utilize o modelo abaixo: