Ordenação

Tipo de Verbete

Filtros

Áreas de Expressão
Artes Visuais
Cinema
Dança
Literatura
Música
Teatro

Período

Temas


Enciclopédia Itaú Cultural
Literatura

Gonçalo Ferreira da Silva

Por Editores da Enciclopédia Itaú Cultural
Última atualização: 12.06.2017
20.12.1937 Brasil / Ceará / Ipu
Gonçalo Ferreira da Silva (Ipu, Ceará, 1937). Publica seu primeiro livro, a coletânea de contos Um Resto de Razão, em 1966, mesmo ano em que lança seu primeiro folheto de cordel, Punhos Rígidos. Entre 1963 e 1978 trabalha como funcionário da Rádio Ministério da Educação, no Rio de Janeiro RJ. Cursa Letras na PUC/RJ, entre 1970 e 1973. Trabalha c...

Texto

Abrir módulo

Biografia

Gonçalo Ferreira da Silva (Ipu, Ceará, 1937). Publica seu primeiro livro, a coletânea de contos Um Resto de Razão, em 1966, mesmo ano em que lança seu primeiro folheto de cordel, Punhos Rígidos. Entre 1963 e 1978 trabalha como funcionário da Rádio Ministério da Educação, no Rio de Janeiro RJ. Cursa Letras na PUC/RJ, entre 1970 e 1973. Trabalha como redator do jornal A Voz do Nordeste e da revista Abnorte-Sul entre 1980 e 1988. É um dos fundadores da Academia Brasileira de Literatura de Cordel, na qual atua como presidente no período de 1988 a 1996. É membro de várias academias de letras estaduais, entre elas a do Rio de Janeiro, para a qual é eleito em 1996. Gonçalo Ferreira da Silva é autor de poemas como Meninos de Rua e a Chacina da Candelária, vertido para o francês por Jean Louis Christinat, e  Mahatma Gandhi, traduzido para o inglês por Manoel Santa Maria. Segundo o crítico Gilmar de Carvalho, "poeta dos mais férteis e inspirados, Gonçalo Ferreira da Silva exerce uma inconteste liderança entre os cordelistas radicados no Rio de Janeiro".

Fontes de pesquisa 1

Abrir módulo
  • SILVA, Hélcio Wanderley da. Vida e obra do poeta Gonçalo Ferreira da Silva. Rio de Janeiro: s.n., 1994.

Como citar

Abrir módulo

Para citar a Enciclopédia Itaú Cultural como fonte de sua pesquisa utilize o modelo abaixo: