Ordenação

Tipo de Verbete

Filtros

Áreas de Expressão
Artes Visuais
Cinema
Dança
Literatura
Música
Teatro

Período

Temas


Enciclopédia Itaú Cultural
Literatura

Tobias Barreto

Por Editores da Enciclopédia Itaú Cultural
Última atualização: 07.04.2017
07.06.1839 Brasil / Sergipe / Tobias Barreto
26.06.1889 Brasil / Pernambuco / Recife
Tobias Barreto de Meneses (Vila de Campos do Rio Real, atual Tobias Barreto SE 1839 - Recife PE 1889). Filósofo, jurista, político e poeta, filho de Pedro Barreto de Meneses, alferes e escrivão de órfãos da localidade, e Emereciana Maria de Meneses. Mestiço, de família de parcos recursos, para custear seus estudos começa a trabalhar aos 15 anos ...

Texto

Abrir módulo

Biografia

Tobias Barreto de Meneses (Vila de Campos do Rio Real, atual Tobias Barreto SE 1839 - Recife PE 1889). Filósofo, jurista, político e poeta, filho de Pedro Barreto de Meneses, alferes e escrivão de órfãos da localidade, e Emereciana Maria de Meneses. Mestiço, de família de parcos recursos, para custear seus estudos começa a trabalhar aos 15 anos como professor de latim em diversas cidades do interior do Estado. Em 1864, forma-se na Faculdade de Direito do Recife, destacando-se como orador e polemista antimonarquista e abolicionista. Transfere-se, em 1871, para Escada, Pernambuco, onde mantém uma tipografia para imprimir seus artigos, livretos e jornais inspirados no positivismo, na defesa do pensamento laico e nos monismo alemão. Membro do Partido Liberal e deputado provincial, sua atuação política lhe rende desafetos, até que, em 1882, resolve voltar para Recife, onde se torna professor da Faculdade de Direito. Lá, lidera um grupo de discípulos e seguidores, que fica conhecido como Escola do Recife, cujo principal expoente é o crítico e historiador Sílvio Romero (1851 - 1914). Em 1893, é lançado postumamente seu único livro de poemas, Dias e Noites, escritos ainda na juventude.

Fontes de pesquisa 13

Abrir módulo
  • FERREIRA, Pinto. Tobias Barreto e a nova Escola do Recife. 2. ed. Rio de Janeiro: Gráfica Editora Livro, 1958.
  • GAMA, Affonso Dionysio. Tobias Barreto. São Paulo: Monteiro Lobato, 1925.
  • LIMA, Hermes. Pensamento vivo de Tobias Barreto. São Paulo: Martins, 1942.
  • LIMA, Hermes. Tobias Barreto (a época e o homem). São Paulo: Nacional, 1939.
  • MERCADANTE, Paulo. Tobias Barreto na cultura brasileira: uma reavaliação. São Paulo: Editora da Universidade de São Paulo: Editorial Grijalbo, 1972.
  • MONT'ALEGRE, Omer. Vida admirável de Tobias Barreto. 2. ed. Rio de Janeiro: Vecchi, 1939.
  • PEREIRA, Virgilio de Sá. Tobias Barreto. Rio de Janeiro: Revista dos Tribunais, 1977.
  • PESSOA, Lilian de Abreu. Aspectos do pensamento alemão na obra de Tobias Barreto. São Paulo: Universidade de São Paulo, Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, 1985.
  • ROMERO, Sílvio. Explicações indispensáveis. In: _____. Vários Escritos (prefácio). Aracaju: Ed. Estado de Sergipe, 1926.
  • ROMERO, Sílvio. Paralelo com Tobias Barreto. In: _____. Machado de Assis: estudo comparativo de literatura brasileira. Campinas: Ed. da Unicamp, 1992. p.111-119, p.141-149, p.185-254. (Repertórios).
  • SEABRA, Alberto. Tobias Barreto. In: Conferências, 1914/1915. São Paulo: Sociedade de Cultura Artística, 1916. p.167-199
  • SEBRÃO DE CARVALHO, José. Tobias Barreto, o desconhecido. Aracaju: Imprensa oficial, 1941.
  • SOUSA, Lincoln de. Condor sergipano: síntese bio-bibliográfica de Tobias Barreto de Menezes. Rio de Janeiro: MEC, 1954.

Como citar

Abrir módulo

Para citar a Enciclopédia Itaú Cultural como fonte de sua pesquisa utilize o modelo abaixo: