Ordenação

Tipo de Verbete

Filtros

Áreas de Expressão
Artes Visuais
Cinema
Dança
Literatura
Música
Teatro

Período

A Enciclopédia é o projeto mais antigo do Itaú Cultural. Ela nasce como um banco de dados sobre pintura brasileira, em 1987, e vem sendo construída por muitas mãos.

Se você deseja contribuir com sugestões ou tem dúvidas sobre a Enciclopédia, escreva para nós.

Caso tenha alguma dúvida, sugerimos que você dê uma olhada nas nossas Perguntas Frequentes, onde esclarecemos alguns questionamentos sobre nossa plataforma.

Enciclopédia Itaú Cultural
Artes visuais

Roosivelt Pinheiro

Por Editores da Enciclopédia Itaú Cultural
Última atualização: 12.03.2021
11.10.1964 Brasil / Amazonas / Nhamundá
Registro fotográfico Juninho Motta

Solitários na/da Rede, 2001
Roosivelt Pinheiro
Instalação

Roosivelt Max Sampaio Pinheiro (Nhamundá, Amazonas, 1964). Artista visual. Forma-se pela Escola de Belas Artes da Universidade Federal do Rio de Janeiro - EBA/UFRJ, em 1997. Atualmente faz mestrado em artes visuais, na linha de pesquisa Estudos das Imagens e Representações Culturais, na EBA/UFRJ. A instalação Solitários na Rede assume uma alegor...

Texto

Abrir módulo

Roosivelt Max Sampaio Pinheiro (Nhamundá, Amazonas, 1964). Artista visual. Forma-se pela Escola de Belas Artes da Universidade Federal do Rio de Janeiro - EBA/UFRJ, em 1997. Atualmente faz mestrado em artes visuais, na linha de pesquisa Estudos das Imagens e Representações Culturais, na EBA/UFRJ. A instalação Solitários na Rede assume uma alegorização com a internet, e informa ainda o distanciamento da compreensão e o sentido de ausência proporcionados na rede. Construída nos moldes das tarrafas de pescadores, recolhe mesas, cadeiras, paralelepípedos. Lembra que as relações do meio social do homem não são mais somente as da "sala de visitas", mas também o "solitário" relacionamento através do computador. Integra o projeto coletivo Atrocidades Maravilhosas de Intervenção Urbana no Rio de Janeiro, 1999. Atualmente, coordena, com outros artistas, o projeto Zona Franca, na Fundição Progresso, Rio de Janeiro.

Obras 1

Abrir módulo

Exposições 17

Abrir módulo

Fontes de pesquisa 2

Abrir módulo
  • MAPEAMENTO nacional da produção emergente [2001/2003]: Rumos Itaú Cultural Artes Visuais. São Paulo: Itaú Cultural, 2002. (Rumos Itaú Cultural Artes Visuais).
  • RUMOS ITAÚ CULTURAL ARTES VISUAIS; COCCHIARALE, Fernando (coord.). Arte: sistema e redes. Apresentação Cristina Freire. São Paulo: Itaú Cultural, 2002. [24] p., il. p&b color. (Rumos Itaú Cultural Artes Visuais).

Como citar

Abrir módulo

Para citar a Enciclopédia Itaú Cultural como fonte de sua pesquisa utilize o modelo abaixo: