Ordenação

Tipo de Verbete

Filtros

Áreas de Expressão
Artes Visuais
Cinema
Dança
Literatura
Música
Teatro

Período

Temas


Enciclopédia Itaú Cultural
Artes visuais

Bruno de Carvalho

Por Editores da Enciclopédia Itaú Cultural
Última atualização: 22.09.2017
27.01.1978 Brasil / Rio de Janeiro / Rio de Janeiro
15.02.2012 Brasil / Rio de Janeiro / Rio de Janeiro
Registro fotográfico Juninho Motta

V.E.S.A., 2001
Bruno de Carvalho
Instalação - videocassete, fita magnética, colchões, monitor de tv, amplificador, cd-player, sensor eletrônico e caixas de som
300,00 cm x 260,00 cm

Bruno Pacheco de Carvalho (Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 1978 - idem 2012). Videoartista, jornalista e editor. É formado em comunicação social pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC/RJ). Freqüenta, entre 1995 e 2000, cursos teóricos de pintura, videoarte e videoinstalação, na Escola de Artes Visuais do Parque Lage (EAV/Pa...

Texto

Abrir módulo

Biografia

Bruno Pacheco de Carvalho (Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 1978 - idem 2012). Videoartista, jornalista e editor. É formado em comunicação social pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC/RJ). Freqüenta, entre 1995 e 2000, cursos teóricos de pintura, videoarte e videoinstalação, na Escola de Artes Visuais do Parque Lage (EAV/Parque Lage), Rio de Janeiro, com os professores Adriana Varella, Suzi Coralli, Anna Bella Geiger (1933) e Fernando Cocchiarale. Realiza vídeos e videoinstalações nas quais o espectador, investido de sua realidade corpórea, percebe-se em um espaço em que disputa ou confronta-se com a imagem copiada. Submetendo o espectador a estímulos sensoriais além do sentido da visão, inverte a direção da sensibilidade contemporânea, na qual o acesso à informação se dá quase exclusivamente pelo olho, e o corpo fica anestesiado ou se torna obsoleto em um universo tecnológico saturado de imagens. Apresenta a videoinstalação e o texto 2HS, em parceria com Julio Rodrigues, no 14th International Congress of Aesthetics - Aesthetics as Philosophy, Eslovênia, 1998.  

Obras 1

Abrir módulo
Registro fotográfico Juninho Motta

V.E.S.A.

Instalação - videocassete, fita magnética, colchões, monitor de tv, amplificador, cd-player, sensor eletrônico e caixas de som

Exposições 36

Abrir módulo

Fontes de pesquisa 5

Abrir módulo
  • CAMPO randômico: mostra coletiva de videoarte e videoinstalação. Versão em inglês Hilda Maciel. Rio de Janeiro : Museu do Telephone-Telemar, 1999.
  • MOSTRA RIO ARTE CONTEMPORÂNEA, 1., 2002, Rio de Janeiro, SALDANHA, Cláudia (coord.), BENZECRY, Alberto (coord.). Artistas selecionados. Rio de Janeiro: Museu de Arte Moderna, 2002. 80 p., il. color.
  • PEDROSO, Franklin Espath (coord. ). Uma geração em trânsito. Texto Franklin Espath Pedroso, Fernando Cocchiarale; curadoria Franklin Espath Pedroso, Ileana Pradilla; texto Ileana Pradilla; projeto gráfico Sônia Barreto; fotografia César Barreto, Claudiomar Gonçalves, Daniel Mansur, Fabio Del Re, Gustavo Pessoa, Márcia Baldissara; concepção Franklin Espath Pedroso; versão em inglês Paulo Henriques Britto. Rio de Janeiro : Centro Cultural Banco do Brasil, 2001. 41 p. il. p&b color.
  • RUMOS ITAÚ CULTURAL ARTES VISUAIS. Rumos da nova arte contemporânea brasileira. Curadoria Fernando Cocchiarale. Belo Horizonte: Itaú Cultural, 2002. (Rumos Itaú Cultural Artes Visuais).
  • RUMOS ITAÚ CULTURAL ARTES VISUAIS. Vertentes da produção contemporânea: arte: sistema e redes; poéticas da atitude; o transitório e o precário; entre o mundo e o sujeito. Curadoria Cristina Freire, Jailton Moreira, Moacir dos Anjos. São Paulo: Itaú Cultural, 2002. (Rumos Itaú Cultural Artes Visuais).

Como citar

Abrir módulo

Para citar a Enciclopédia Itaú Cultural como fonte de sua pesquisa utilize o modelo abaixo: