Artigo da seção pessoas Tania Fraga

Tania Fraga

Artigo da seção pessoas
Artes visuais  
Data de nascimento deTania Fraga: 27-10-1951 Local de nascimento: (Brasil / São Paulo / Andradina)
Imagem representativa do artigo

Superfícies Estimuláveis , 2004 , Tania Fraga
Reprodução fotográfica aquivo do artista

Biografia

Tania Regina Fraga da Silva (Andradina, São Paulo, 1951). Arquiteta e artista computacional. Gradua-se em arquitetura pela Universidade Federal de Minas Gerais em 1974, conclui mestrado na mesma área pela Universidade de Brasília em 1980 e o doutorado em comunicação e semiótica pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo em 1995. Interessada pelas áreas de exatas e de artes faz cursos complementares de programação, computação gráfica interativa, vídeo, animação computacional e de interfaces, realizados no Brasil e Estados Unidos.

Em 1975 inicia a atividade docente, na Fundação Mineira de Arte Aleijadinho. Em 1987 ingressa na Universidade de Brasília (UnB), área de arte e tecnologia. Permanece lecionando artes e arquitetura na Unb até sua aposentadoria, quando passa a se dedicar integralmente ao trabalho artístico.

É bolsista Fullbright, como artista residente, no Bemis Project, em 1986 e como pesquisadora visitante no Departamento de Ciência da Computação na The George Washington University, Estados Unidos, nos anos 1991, 1992 e 2010. Em 1999, desenvolve pós-doutorado na comunidade internacional de pesquisa Centre for Advanced Inquiry in the Interactive Arts – Science Technology and Art Research Centre  (CAIIA – STAR), Inglaterra com bolsa da Capes. Em 2010/11, desenvolve pós-doutorado integrando realidade virtual e material na Escola de Comunicação e Artes da Universidade de São Paulo (ECA/USP) com bolsa da Fapesp. Participa de exposições de arte e eventos no Brasil, como na série de exposições EmMeio#, realizada no Museu Nacional da República, em Brasília, e também no exterior, como na exposição do 3th Computer Art Congress, realizado em Paris, em 2012. Participa da 5a. Bienal de Arte e Tecnologia, 2010, e é contemplada no Rumos Transmídia (2002), ambos pelo Instituto Itaú Cultural. Em 2001 é selecionada para representar o Brasil no Prix Mobius Internacional, na China.

Como pesquisadora publica artigos em periódicos como Humanidades (1997), Thechnoetic Arts (2004 e 2010), International Journal of Design, Sciences & Technology (2008), AI & Society (2013), entre outros. Também escreve capítulos de livros, para jornais e eventos no Brasil, Estados Unidos, Ásia e Europa. Entre 1998 e 2010, orienta mais de dez dissertações de mestrado na área de artes e tecnologia, na Universidade de Brasília.

Análise

Influenciada pelos movimentos concretista e minimalista,  o trabalho de Tania Fraga situa-se no encontro entre arte e tecnologia. Concentra sua atividade em ambientes de imersão, objetos e instalações interativas, cinéticas e visualizações estereoscópicas de objetos marcados por elementos geométricos e imagens orgânicas, numa profusão de cores primárias e secundárias. Em 1995, apresenta, no Simpósio Brasileiro de Computação Gráfica e Processamento de Imagem (Sibgrapi), São Carlos, São Paulo, suas primeiras obras com objetos interativos e estereoscópicos, usando óculos de cristal-líquido polarizados. O resultado deixa evidente a ênfase nas técnicas de visualização de imagens-síntese, com e sem uso de dispositivos de visualização estereoscópica. O suporte computador é assumido nesta fase de seu trabalho, com a utilização de linguagens como YODL e Virtual Reality Modelling Language (VRML), e se desdobra para Java3D.

Dentre seus trabalhos destacam-se obras em VRML como Xamantic Web (1997), e Xamantic Journey (1999). Nelas, a artista explora imagens coloridas e inspirações visuais xamânicas, em claras referências a modelos fractais. Tais construções visuais incorporam texto e formas quase hipnóticos, muito próximo à concepção poética do transe xamânico.

Destacam-se, ainda, suas instalações estereoscópicas, como Poéticas em Devir (1997), Fragmentos (2007), e Perambulações (2012), em que a estereoscopia resulta em percursos hipertextuais de navegação. São trabalhos com interface cérebro-computador – Brain Computer Interfaces (BCI) –, como Caracolomobile (2010). Trata-se de uma instalação robótica, um organismo artificial que interage com os estados emocionais humanos que respondem, por meio de sons e movimentos. Este trabalho integrou a bienal Emoção Artificial 5.0, do Itaú Cultural.

Como curadora é responsável, ao lado de Malú Fragoso (1962) e Suzete Venturelli (1956), pela curadoria das exposições EmMeio#, que integram as seis edições do evento Encontros Internacionais de Arte e Tecnologia, no Museu Nacional da República, em Brasília. É curadora de importantes exposições em arte e tecnologia, como >=4D, 2004, no Centro Cultural Banco do Brasil, em Brasília e a exposição do CAC4 (2014), na Escola de Belas Artes na Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), com Malú Fragoso.

O perfil de artista pesquisador a define no campo da arte e tecnologia, com trabalhos que nascem da geração de códigos e se atualizam nas interfaces gráficas, sonoras e tangíveis, em objetos e mundos interativos que aludem a produções oníricas multicoloridas. As influências do concretismo e minimalismo permeiam suas instalações e objetos cinético-robóticos, pela exaltação do fazer poético, da poética computacional e pela importância do interator na defesa da atividade produtora da arte.

Outras informações de Tania Fraga:

  • Outros nomes
    • Tania Regina Fraga da Silva
  • Habilidades
    • Artista computacional
    • Arquiteta
    • professora universitária

Obras de Tania Fraga: (2) obras disponíveis:

Exposições (10)

Fontes de pesquisa (6)

  • FRAGA, Tania. Tania Fraga. São Paulo: [s.n], 10 jun. 2015. Entrevista concedida a Cleomar Rocha, pesquisador da Enciclopédia Itaú Cultural de Arte e Cultura Brasileiras.
  • FRAGA, Tania. Organismos comportamentais estimuláveis. In: SANTAELLA, Lucia ; ARANTES, Priscila (Org.). Estéticas tecnológicas: novos modos de sentir. São Paulo: Educ, 2008. p.97-114.
  • FRAGA, Tania. Simulações estereoscópicas interativas e a visão binocular. Humanidades, Brasília, v. 42, n.1, p. 27-36, 1997.
  • FRAGA, Tania. Simulações Estereoscópicas Interativas. In: DOMINGUES, Diana (Org.). A Arte do século XXI: a humanização das tecnologias. São Paulo: Unesp, 1998. v. 1, p. 117-125.
  • ROSSETTO, Cleusa; FRAGA, Tania. Femmes_arts. Art in context: Tania Fraga, artista visual convidada, São Paulo, p. 31-53, 01 set. 2011. Disponível em: < http://www.annadonadio.com.br/noticias/femmes-arts-3.pdf >. Acesso em: 20 jun. 2015.
  • SILVA, Tania Regina Fraga da. Currículo do sistema currículo Lattes. [Brasília], 10 jun. 2015. Disponível em: < http://lattes.cnpq.br/7631103821426950 > . Acesso em: 10 jun. 2015.

Como citar?

Para citar a Enciclopédia Itaú Cultural como fonte de sua pesquisa utilize o modelo abaixo:

  • TANIA Fraga. In: ENCICLOPÉDIA Itaú Cultural de Arte e Cultura Brasileiras. São Paulo: Itaú Cultural, 2021. Disponível em: <http://enciclopedia.itaucultural.org.br/pessoa244749/tania-fraga>. Acesso em: 13 de Mai. 2021. Verbete da Enciclopédia.
    ISBN: 978-85-7979-060-7