Ordenação

Tipo de Verbete

Filtros

Áreas de Expressão
Artes Visuais
Cinema
Dança
Literatura
Música
Teatro

Período

Temas


Enciclopédia Itaú Cultural
Artes visuais

Frei Estevão do Loreto Joassar

Por Editores da Enciclopédia Itaú Cultural
Última atualização: 04.09.2014
0017 França
1745 Brasil / Pernambuco / Olinda

Carta de profissão, 1723
Frei Estevão do Loreto Joassar
Pintura sobre papel

Frei Estevão do Loreto Joassar (Saint Charmond França 16-- - Olinda PE ca.1745). Pintor, calígrafo, restaurador e arquiteto. Chega ao Rio de Janeiro em 1713, acompanhando o novo governador Dom Francisco Xavier de Távora. Dez anos depois, ingressa como monge no Mosteiro de São Bento da mesma cidade. Entre 1722 e 1723, realiza as decorações nas ca...

Texto

Abrir módulo

Biografia

Frei Estevão do Loreto Joassar (Saint Charmond França 16-- - Olinda PE ca.1745). Pintor, calígrafo, restaurador e arquiteto. Chega ao Rio de Janeiro em 1713, acompanhando o novo governador Dom Francisco Xavier de Távora. Dez anos depois, ingressa como monge no Mosteiro de São Bento da mesma cidade. Entre 1722 e 1723, realiza as decorações nas cartas de profissão dos monges desse mosteiro. O crítico Silva-Nigra atribui ao artista a pintura de dois painéis da sacristia, provavelmente realizados em 1730, e o projeto dos forros dos salões e corredores, do paravento, de dois anjos e dos altares de Santa Gertudes e de Santa Mechtildes, realizados em 1734, todos na Igreja do Mosteiro de São Bento, Rio de Janeiro. É o responsável, durante 1737 a 1739, pelo projeto para as fortificações da Colônia de Sacramento e para a Ilha de Fernando de Noronha, além de ter executado mapas de Santa Catarina, Rio da Prata e do Porto do Rio de Janeiro. Entra, em 1740, para o quadro de arquitetos de Dom João V. Em 1745, pinta o forro da portaria e restaura o painel da Regra de São Bento, na Igreja e Mosteiro de São Bento, em Olinda (Pernambuco).

Obras 1

Abrir módulo

Fontes de pesquisa 4

Abrir módulo
  • LEITE, José Roberto Teixeira. Dicionário crítico da pintura no Brasil. Rio de Janeiro: Artlivre, 1988.
  • OTT, Carlos. História das artes plásticas na Bahia (1550-1900) - pintura. Salvador: Alfa, 1993. 100 p., il. p&b., foto.
  • ROCHA, Mateus Ramalho, dom. O Mosteiro de São bento do Rio de Janeiro: 1590-1990. Apresentação de Lúcio Costa. Rio de Janeiro: Studio HMF, 1991.
  • SILVA-NIGRA, Clemente Maria da, dom. Construtores e artistas do Mosteiro de São bento do Rio de Janeiro. Salvador: Tipografia Beneditina, 1950. 3v.

Como citar

Abrir módulo

Para citar a Enciclopédia Itaú Cultural como fonte de sua pesquisa utilize o modelo abaixo: