Ordenação

Tipo de Verbete

Filtros

Áreas de Expressão
Artes Visuais
Cinema
Dança
Literatura
Música
Teatro

Período

Temas


Enciclopédia Itaú Cultural
Artes visuais

Benno Treidler

Por Editores da Enciclopédia Itaú Cultural
Última atualização: 08.06.2017
11.09.1857 Alemanha / Berlim / Berlim
17.06.1931 Brasil / Rio de Janeiro / Rio de Janeiro
Reprodução fotográfica autoria desconhecida

Mesa do Imperador, 1898
Benno Treidler
Óleo sobre tela
85,00 cm x 63,50 cm

Benno Treidler (Berlim, Alemanha 1857 -  Rio de Janeiro RJ 1931). Pintor, desenhista, aquarelista, decorador, cenógrafo, professor. Cursa a Academia de Belas Artes de Berlim, na Alemanha, entre 1875 e 1880, sendo aluno de Christian Wilberg e de Lechner. Por volta de 1870, trabalha como cenógrafo do Teatro Imperial de Berlim. Vem ao Rio de Janeir...

Texto

Abrir módulo

Biografia

Benno Treidler (Berlim, Alemanha 1857 -  Rio de Janeiro RJ 1931). Pintor, desenhista, aquarelista, decorador, cenógrafo, professor. Cursa a Academia de Belas Artes de Berlim, na Alemanha, entre 1875 e 1880, sendo aluno de Christian Wilberg e de Lechner. Por volta de 1870, trabalha como cenógrafo do Teatro Imperial de Berlim. Vem ao Rio de Janeiro em 1885, quando dá aulas de pintura. Fixa residência no Rio de Janeiro em 1891 e faz trabalhos de decoração no Banco do Brasil, no Edifício Gaffrée e na Fabrica de São Paulo. Em 1894, decora o teto do Salão de Honra da Sede do Jockey Club do Brasil. São seus alunos Ana Vasco, Maria Vasco e França Júnior. 

Obras 3

Abrir módulo

Exposições 24

Abrir módulo

Feiras de arte 1

Abrir módulo

Fontes de pesquisa 10

Abrir módulo
  • BRAGA, Theodoro. Artistas pintores no Brasil. São Paulo: São Paulo Editora, 1942.
  • DICIONÁRIO brasileiro de artistas plásticos. Organização Carlos Cavalcanti e Walmir Ayala. Brasília: Instituto Nacional do Livro, 1973-1980. 4v. (Dicionários especializados, 5).
  • DUQUE, Gonzaga. Contemporâneos: pintores e esculptores. Rio de Janeiro: Tipografia Benedicto de Souza, 1929.
  • FREIRE, Laudelino. Um século de pintura: apontamentos para a história da pintura no Brasil de 1816-1916. Rio de Janeiro: Fontana, 1983.
  • LEITE, José Roberto Teixeira. Dicionário crítico da pintura no Brasil. Rio de Janeiro: Artlivre, 1988.
  • MNBAPasta do Artista.
  • PEIXOTO, Maria Elizabete Santos. Pintores alemães no Brasil durante o século XIX. Rio de Janeiro: Pinakotheke, 1989.
  • Paisagem Fluminense e Carioca. Diário da Tarde, Belo Horizonte, 10/02/1982.A Paisagem na Coleção da Pinacoteca. São Paulo: Secretaria da Cultura, Ciência e Tecnologia/Pinacoteca do Estado, 1978.A Paisagem Brasileira. São Paulo: Paço das Artes, 1980.Pintores Alemães no Brasil durante o Século XIX. São Paulo: Museu da Casa Brasileira, 1989.
  • Pinacoteca Pasta do Artista Hedonista, Barroco, o Rio ama a festa. E mostra seu charme na Galeria Banerj. O Globo, Rio de Janeiro, 22/01/1985.
  • RUBENS, Carlos. Pequena história das artes plásticas no Brasil. São Paulo: Nacional, 1941.Visões do Rio. Rio de Janeiro: MAM, 1996.

Como citar

Abrir módulo

Para citar a Enciclopédia Itaú Cultural como fonte de sua pesquisa utilize o modelo abaixo: