Ordenação

Tipo de Verbete

Filtros

Áreas de Expressão
Artes Visuais
Cinema
Dança
Literatura
Música
Teatro

Período

Temas


Enciclopédia Itaú Cultural
Artes visuais

Amilcar Packer

Por Editores da Enciclopédia Itaú Cultural
Última atualização: 02.10.2017
05.11.1974 Chile / a definir / Santiago

Sem Título, 1997
Amilcar Packer
Frame de vídeo nº 19
120,00 cm x 100,00 cm

Amilcar Lucien Packer Yessouroun (Santiago, Chile, 1974). Fotógrafo, artista visual e editor. Filho da artista plástica Cecile Lucile Florine Yessouroun Yessouror. Vem para o Brasil em 1982 e gradua-se em filosofia pela Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo (FFLCH/USP), em 1999. Realiza suas primeiras exp...

Texto

Abrir módulo

Biografia

Amilcar Lucien Packer Yessouroun (Santiago, Chile, 1974). Fotógrafo, artista visual e editor. Filho da artista plástica Cecile Lucile Florine Yessouroun Yessouror. Vem para o Brasil em 1982 e gradua-se em filosofia pela Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo (FFLCH/USP), em 1999. Realiza suas primeiras exposições em 1997, desenvolvendo um trabalho que procura dialogar com outros campos de expressão artística, como o vídeo e a pintura, na busca de uma representação visual para as questões relacionadas à sexualidade e à identidade na sociedade pós-moderna. Seus trabalhos integram mostras coletivas por todo o país, em cidades como Niterói, Recife, Fortaleza, Rio de Janeiro, Belo Horizonte e Curitiba. Em 2002, é selecionado pelo Rumos Artes Visuais Itaú Cultural, em São Paulo. É contemplado com o Prêmio Aquisição do 11° Salão da Bahia, no Museu de Arte Moderna da Bahia (MAM/BA), em 2004. Também é ganhador do Prêmio CIFO, da Cisneros Fontanals Art Foundation, em Miami, em 2007.

Análise

Os trabalhos de Amilcar Packer, realizados principalmente em suportes como o vídeo e a fotografia, têm como tema os limites do corpo e suas relações com o espaço. Em diversas obras, o artista exibe seu corpo como mais um objeto dentre tantos outros, numa tentativa de dissolver os limites entre coisa e corpo. Esse esforço fica mais evidente em trabalhos nos quais mimetiza objetos - dobra-se como uma mesa, envolve um pilar com sua camisa, imita a angulação da quina de uma parede. Em outras imagens, ainda, seu corpo aparece em poses ou posições inusitadas, desconfortáveis ou insustentáveis, numa atitude desafiadora.

Desse modo, o corpo que vemos nos trabalhos de Packer é, ao mesmo tempo, limitado e levado ao limite. Limitado, pois está sujeito às demarcações espaciais em que está inserido e às restrições físicas que lhe são próprias; levado ao limite, uma vez que tenta desafiar tais demarcações e restrições, ao mesmo tempo em que busca outras possibilidades de ação. Como nota o curador Ivo Mesquita, o corpo aqui é, ao mesmo tempo, sujeito e território, tomado como campo de desejo e de ação, em que o artista questiona as convenções culturais, as normas e os padrões impostos ao corpo em nome da funcionalidade e da organização dos espaços e das relações sociais.

Ao configurar o espaço de suas imagens de maneira insólita, deslocando objetos, confundindo funções e utilidades, Packer questiona o estatuto de seu próprio corpo e aquele dos objetos que o cercam.

Obras 19

Abrir módulo

Exposições 68

Abrir módulo

Feiras de arte 1

Abrir módulo

Fontes de pesquisa 12

Abrir módulo
  • ALBANO Afonso, Amilcar Packer, Edouard Fraipont, Jarbas Lopes, Paulo Wihtaker, Pazé, Rosana Monnerat, Sandra Cinto, Sérgio Romagnolo e Vânia Mignone. Ribeirão Preto: MARP, 1999.
  • CHIARELLI, Tadeu (org). Alegoria. São Paulo: MAM, [2002].
  • ESTRANHAMENTO. Apresentação Ricardo Ribenboim. Campinas: Itaú Cultural Campinas, 2002. [20] p. , il. p&b.
  • FOTOGRAFIAS no acervo do Museu de Arte Moderna de São Paulo. Texto Tadeu Chiarelli, Ricardo Mendes. São Paulo: MAM, 2002.
  • LOBACHEFF, Georgia (coord.), BOFFA, Marcelo (coord.). Sob medida: a figura na fotografia contemporânea. Apresentação Jayme Brasil Garfinkel, Rosa Garfinkel. São Paulo: Espaço Porto Seguro de Fotografia, 1999. 80 p. , il. p. b. color.
  • MOSTRA RIO ARTE CONTEMPORÂNEA, 1. , 2002, Rio de Janeiro, SALDANHA, Cláudia (coord.), BENZECRY, Alberto (coord.). Artistas selecionados. Apresentação Ricardo Macieira, M. F. do Nascimento Brito, Fábio Ferreira; tradução Maria Helena Nunes, Marilena Moraes, Paulo Andrade Lemos. Rio de Janeiro: Museu de Arte Moderna, 2002. 80 p., il. color.
  • RETRATOS do imaginário de São Paulo. São Paulo: FormArte, 2001. 124 p. il. color. , p&b.
  • RUMOS ITAÚ CULTURAL ARTES VISUAIS. Rumos da nova arte contemporânea brasileira. Curadoria Fernando Cocchiarale. Belo Horizonte: Itaú Cultural, 2002. (Rumos Itaú Cultural Artes Visuais).
  • RUMOS ITAÚ CULTURAL ARTES VISUAIS. Vertentes da produção contemporânea: arte: sistema e redes; poéticas da atitude; o transitório e o precário; entre o mundo e o sujeito. Curadoria Cristina Freire, Jailton Moreira, Moacir dos Anjos. São Paulo: Itaú Cultural, 2002. (Rumos Itaú Cultural Artes Visuais).
  • SALÃO Pernambucano de Artes Plásticas. Recife, 2000. [46] p. , il. color.
  • SOBRE(A)SSALTOS. Apresentação Ricardo Ribenboim. Belo Horizonte: Itaú Cultural, 2002. [24] p. , il. color.
  • TREVISAN, Ricardo (coord.), MURADI, Elias (coord.), MORAES, Andrea P. S. (coord.). Projeto ABRA/Coca-cola de arte atual : 1998. Apresentação Laerte Galesso. São Paulo: Academia Brasileira de Arte, 1998. [34 p.] il. color.

Como citar

Abrir módulo

Para citar a Enciclopédia Itaú Cultural como fonte de sua pesquisa utilize o modelo abaixo: