Ordenação

Tipo de Verbete

Filtros

Áreas de Expressão
Artes Visuais
Cinema
Dança
Literatura
Música
Teatro

Período

Temas


Enciclopédia Itaú Cultural
Literatura

Alexandre de Gusmão

Por Editores da Enciclopédia Itaú Cultural
1695 Brasil / São Paulo / Santos
30.12.1753 Portugal / Distrito de Lisboa / Lisboa
Alexandre de Gusmão (Santos SP, 1695 - Lisboa, Portugal, 1753). Parte aos 15 anos para Portugal, onde cursa Direito na Universidade de Coimbra. Em 1714 é enviado à França, por D. João V, como diplomata, carreira pela qual se torna conhecido. Em Paris, prossegue seus estudos na Universidade de Sorbonne. De volta a Portugal, em 1719, forma-se bach...

Texto

Abrir módulo

Biografia

Alexandre de Gusmão (Santos SP, 1695 - Lisboa, Portugal, 1753). Parte aos 15 anos para Portugal, onde cursa Direito na Universidade de Coimbra. Em 1714 é enviado à França, por D. João V, como diplomata, carreira pela qual se torna conhecido. Em Paris, prossegue seus estudos na Universidade de Sorbonne. De volta a Portugal, em 1719, forma-se bacharel em Leis e torna-se professor na Universidade de Coimbra. Atua como confidente e secretário particular do Rei D. João V e Membro do Conselho Ultramarino. Sua realização mais importante é a elaboração do Tratado de Madri (1750), que define, em acordo com a Espanha, novos limites para o território brasileiro. Escreve várias obras políticas e literárias, que são publicadas postumamente. Em 1841, é lançada em Portugal a  Coleção de Vários Escritos Inéditos, Políticos e Literários, reeditada em 1943 com o título Obras: Cartas, Poesias, Teatro. Poeta barroco, Alexandre de Gusmão apresenta em sua obra, no entanto,  elementos iluministas. Segundo o crítico Péricles Eugênio da Silva Ramos (1919 - 1992), "em suas poesias, Alexandre tem notas demonstrativas de que o século da Aufklarung [Iluminismo] abalava os espíritos".

Como citar

Abrir módulo

Para citar a Enciclopédia Itaú Cultural como fonte de sua pesquisa utilize o modelo abaixo: