Ordenação

Tipo de Verbete

Filtros

Áreas de Expressão
Artes Visuais
Cinema
Dança
Literatura
Música
Teatro

Período

A Enciclopédia é o projeto mais antigo do Itaú Cultural. Ela nasce como um banco de dados sobre pintura brasileira, em 1987, e vem sendo construída por muitas mãos.

Se você deseja contribuir com sugestões ou tem dúvidas sobre a Enciclopédia, escreva para nós.

Caso tenha alguma dúvida, sugerimos que você dê uma olhada nas nossas Perguntas Frequentes, onde esclarecemos alguns questionamentos sobre nossa plataforma.

Enciclopédia Itaú Cultural
Artes visuais

Balzi

Por Editores da Enciclopédia Itaú Cultural
Última atualização: 30.10.2017
28.05.1933 Argentina / Buenos Aires / Buenos Aires
21.09.2017 Brasil / São Paulo / São Paulo
Reprodução fotográfica Fernando Castello Carrera

Gimnasio, 1950
Balzi
Óleo sobre cartão
40,00 cm x 60,00 cm

Juan José Balzi (Buenos Aires, Argentina 1933 - São Paulo, São Paulo, 2017). Pintor, ilustrador, desenhista, professor. Estuda desenho, pintura e publicidade artística na Academia Nacional de Belas Artes de Buenos Aires, entre 1948 e 1956. Sai desta instituição com os títulos de professor de desenho, professor de pintura e técnico em publicidade...

Texto

Abrir módulo

Biografia

Juan José Balzi (Buenos Aires, Argentina 1933 - São Paulo, São Paulo, 2017). Pintor, ilustrador, desenhista, professor. Estuda desenho, pintura e publicidade artística na Academia Nacional de Belas Artes de Buenos Aires, entre 1948 e 1956. Sai desta instituição com os títulos de professor de desenho, professor de pintura e técnico em publicidade artística. Em 1958, muda-se para São Paulo SP e passa a dedicar-se predominantemente à publicidade. Na década de 1960, obtém cidadania italiana e, durante sua estadia em Milão (Itália), convive com Carlo Carrá e Marino Marini, entre 1964 e 1967. Nesta mesma cidade, obtém em 1979 o diploma da Accademia Belle Arti di Brera e, dois anos mais tarde, freqüenta o curso de pintura mural da Universidade Livre Européia de Montefiori-Conca, em Conca (Itália). No final da década de 1960, muda-se para a Espanha, onde começa a expor regularmente. Leciona, entre 1977 e 1983, educação artística, desenho e história da arte na Escola Média Italiana e no Liceu Científico Italiano de Barcelona (Espanha). Ainda nesta cidade, trabalha como ilustrador para o Editorial Argos Vergara, ilustrando as obras completas de Baltazar Gracián e de José Martí. Em 1987, transfere-se para o Brasil e, residindo novamente em São Paulo, passa a lecionar no curso de pós-graduação da Fundação Armando Álvares Penteado, no Instituto Italiano di Cultura e na Oficina Cultural da Secretaria do Estado de São Paulo, até o ano de 1995. Em 1993, publica o livro O Impressionismo, editado pela Editora Ática, pinta um mural na Rua Clélia (São Paulo SP), em frente ao Sesc Pompéia.

Obras 12

Abrir módulo
Reprodução fotográfica do artista

A Anunciação

Óleo, asfalto e colagem fotográfica sobre tela
Reprodução fotográfica Fernando Castello Carrera

Gimnasio

Óleo sobre cartão
Reprodução fotográfica do artista

Madonna

Asfalto sobre fotografia
Reprodução fotográfica do artista

Matrimônio

Óleo sobre tela
Reprodução fotográfica do artista

Meninos Judeus

Asfalto sobre fotografia

Exposições 33

Abrir módulo

Fontes de pesquisa 3

Abrir módulo
  • BALZI. Balzi. São Paulo : MAC/USP, 1982. il. color. , foto.
  • BALZI. Retrospectiva Juan José Balzi. São Paulo : MAB, 1990. il. p. b. color.
  • BANDEIRAS. São Paulo: Galeria de Arte do Sesi; MAC-USP, 1996.

Como citar

Abrir módulo

Para citar a Enciclopédia Itaú Cultural como fonte de sua pesquisa utilize o modelo abaixo: