Ordenação

Tipo de Verbete

Filtros

Áreas de Expressão
Artes Visuais
Cinema
Dança
Literatura
Música
Teatro

Período

Temas


Enciclopédia Itaú Cultural
Artes visuais

Márcio Scavone

Por Editores da Enciclopédia Itaú Cultural
Última atualização: 25.05.2017
08.12.1952 Brasil / São Paulo / São Paulo
Reprodução fotográfica do artista

Manuelzão, Personagem de Guimarães Rosa, 1995
Márcio Scavone
Matriz-positivo

Márcio Rubens Teixeira Scavone (São Paulo, São Paulo, 1952). Fotógrafo. Entre 1969 e 1970, trabalha como assistente no estúdio do fotógrafo Marcel Giró, ex-integrante do Foto Cine Clube Bandeirantes - FCCB, em São Paulo. Em seguida, transfere-se para Londres, onde cursa a Faculdade de Fotografia do Ealing Technical College. Retorna ao Brasil em ...

Texto

Abrir módulo

Biografia

Márcio Rubens Teixeira Scavone (São Paulo, São Paulo, 1952). Fotógrafo. Entre 1969 e 1970, trabalha como assistente no estúdio do fotógrafo Marcel Giró, ex-integrante do Foto Cine Clube Bandeirantes - FCCB, em São Paulo. Em seguida, transfere-se para Londres, onde cursa a Faculdade de Fotografia do Ealing Technical College. Retorna ao Brasil em 1977 e abre um estúdio na capital paulista. Nos anos 1980, destaca-se na área publicitária, participa da fundação da Associação Brasileira dos Fotógrafos de Publicidade - Abrafoto e realiza exposição individual no Museu de Arte de São Paulo Assis Chateaubriand (MASP), em 1982. Passa a ser conhecido sobretudo pelos retratos de empresários e celebridades depois de ter uma série de fotos de personalidades publicadas na revista Vogue, em 1992. De 1992 a 1994, reside em Lisboa e atua no mercado editorial. Assina uma coluna sobre estética e história da fotografia na revista Íris entre 1995 e 1996. Em 1998, está entre os cinqüenta fotógrafos escolhidos para participar da edição comemorativa dos 50 anos da Hasselblad, marca sueca de câmera. De 1994 a 2001, mantém uma seção fixa de retratos na revista Carta Capital. Recebe diversos prêmios na área de publicidade, entre eles o Clio Awards e o Leão de Ouro, em Cannes. É autor dos livros Márcio Scavone e Entre a Sombra e a Luz, 1997; Luz Invisível, 2002; e A Cidade Ilustrada, 2004.

Análise

Conhecido, principalmente, por seus retratos de personalidades, Márcio Scavone faz também fotos em preto-e-branco que, apesar de não constituírem séries sobre um assunto específico, se caracterizam por atribuir importância (ou um valor afetivo) a objetos e cenas do cotidiano. Ao isolar as coisas do fluxo dos acontecimentos diários e ao transformar sua aparência em imagens, a fotografia embeleza aquilo que registra.1 Scavone investe nessa peculiaridade técnica enfocando, por exemplo, xícaras, ruas vazias, latas de lixo, mictórios e lençóis amassados. Sua atenção está voltada para o modo como a luz incide sobre a matéria, pois, além de revelar ou ocultar detalhes, ela é capaz de conferir uma aura (a sensação de que ali se revela algo especial, único e verdadeiro) às situações triviais.

Nos retratos, cria uma atmosfera de naturalidade simulando flagrantes de momentos íntimos em que celebridades como as atrizes Marieta Severo e Fernanda Montenegro, muitas vezes, interpretam emoções. O olhar direto encarando a câmera denota a idéia de confiança e cumplicidade entre o fotógrafo e o retratado. Scavone manipula a persona do modelo mostrando-o junto a objetos e cenários que remetem a sua profissão ou, ao contrário, criando situações inusitadas que aludem a sua vida privada.

Nota

1. Ver: SONTAG, Susan. O heroísmo da visão. In: ______. Sobre fotografia. São Paulo: Companhia das Letras, 2004.

 

Obras 9

Abrir módulo
Reprodução fotográfica do artista

Criança

Matriz-negativo

Exposições 42

Abrir módulo

Feiras de arte 1

Abrir módulo

Fontes de pesquisa 9

Abrir módulo
  • CARBONCINI, Anna (Coord.). Coleção Pirelli/ MASP de Fotografias: v. 8. Versão em inglês Kevin M. Benson Mundy. São Paulo: MASP, 1998.
  • FERNANDES JÚNIOR, Rubens. Revista IrisFoto, abril 1988.
  • MOREIRA, Luciene (coord.); SOUZA, Suely (coord.). Retratos. Curadoria Rosely Nakagawa. São Paulo: Casa da Fotografia Fuji, 2002. [32] p., il. p&b color.
  • PERSICHETTI, Simonetta. Imagens da fotografia brasileira 2. São Paulo: Estação Liberdade: Senac, 2000.
  • PERSICHETTI, Simonetta. O Estado de S. Paulo. Caderno 2.
  • SCAVONE, Márcio. Cidade Ilustrada. Versão em inglês Alison Entrekin; texto Rubens Fernandes Júnior, Ignácio de Loyola Brandão, James Scavone. São Paulo: Alice Publishing Editora, 2004. 192 p., il. p&b. color.
  • SCAVONE, Márcio. Entre a sombra e a luz. Texto Antonio Tabucchi. São Paulo: DBA, 1997. 191 p., il. p&b, color.
  • SCAVONE, Márcio. Luz invisível. São Paulo: DBA, 2002. 200 p., il. p&b., color.
  • SONTAG, Susan. Sobre fotografia. São Paulo:Companhia das Letras, 2004. 224 p., il. p&b.

Como citar

Abrir módulo

Para citar a Enciclopédia Itaú Cultural como fonte de sua pesquisa utilize o modelo abaixo: