Ordenação

Tipo de Verbete

Filtros

Áreas de Expressão
Artes Visuais
Cinema
Dança
Literatura
Música
Teatro

Período

A Enciclopédia é o projeto mais antigo do Itaú Cultural. Ela nasce como um banco de dados sobre pintura brasileira, em 1987, e vem sendo construída por muitas mãos.

Se você deseja contribuir com sugestões ou tem dúvidas sobre a Enciclopédia, escreva para nós.

Caso tenha alguma dúvida, sugerimos que você dê uma olhada nas nossas Perguntas Frequentes, onde esclarecemos alguns questionamentos sobre nossa plataforma.

Enciclopédia Itaú Cultural
Música

Curumin

Por Editores da Enciclopédia Itaú Cultural
Última atualização: 09.03.2018
03.07.1976 Brasil / São Paulo / São Paulo
Luciano Nakata Albuquerque (São Paulo, São Paulo, 1976). Baterista, compositor, cantor. Sua formação musical se inicia com o violão, e depois estuda bateria, percussão e cavaquinho. Baterista profissional desde os 18 anos de idade, começa a carreira como músico acompanhante de Paula Lima, entre 1997 e 2002. Desde então fez parte das bandas de Ar...

Texto

Abrir módulo

Biografia
Luciano Nakata Albuquerque (São Paulo, São Paulo, 1976). Baterista, compositor, cantor. Sua formação musical se inicia com o violão, e depois estuda bateria, percussão e cavaquinho. Baterista profissional desde os 18 anos de idade, começa a carreira como músico acompanhante de Paula Lima, entre 1997 e 2002. Desde então fez parte das bandas de Arnaldo Antunes, André Abujamra, Vanessa da Mata, Romulo Fróes, Guizado, Alzira Espíndola e Céu. Integra as bandas Sindicato do Groove, Zomba e Toca.

Curumin lança seu primeiro disco solo em 2003, Achados e Perdidos, pelo selo YB Music, no Brasil, e, posteriormente, pelo selo norte-americano Quannum Projects. Seu segundo disco, JapanPopShow, é lançado em 2008 pelos mesmos selos, além de JVC/Victor Entertainment no Japão, e conta com a participação de artistas como Blackalicious, Tommy Guerero, General Electric e Turbo Trio. O produtor de ambos é Gustavo Lenza, com quem Curumin toca em sua primeira banda, nos anos 1990. Esses trabalhos rendem turnês pelos Estados Unidos e pela Europa.

Em seus discos estão presentes parcerias com Otto, Céu, B Negão, Paula Lima, Arnaldo Antunes, Vanessa da Mata e Lucas Santtana. Sua canção Tudo Bem Malandro (2003) integra duas coletâneas internacionais, uma feita para a organização The Foundation for International Community Assistance (Finca International), compilada pela atriz Natalie Portman, e a coletânea da Rádio Nova Brasil do Futuro (2006), organizada por Remi Kolpa Kopoul. A música Guerreiro (2003) é trilha sonora de um comercial da Nike, transmitido durante a Copa do Mundo de 2006, de um comercial de cerveja norte-americano, e também aparece representando o Brasil na trilha sonora do videogame Fifa Street II. Outra faixa do disco Achados e Perdidos (2003), Vem Menina, integra a coletânea francesa da Rádio Nova, Nova Tunes 1.3. A música Caixa Preta (2008) é trilha sonora do seriado norte-americano CSI: Crime Scene Investigation.

Comentário Crítico
Curumin se interessa em mesclar gêneros e em escalas musicais distintas em suas composições. Um exemplo disso é a utilização que ele faz da escala pentatônica, que é amplamente utilizada na música tradicional oriental, de samples, ritmos africanos contemporâneos e do samba, soul, reggae, dub e funk. Essas referências estão refletidas também nos idiomas que compõem suas letras: português e inglês. A ascendência japonesa ainda reverbera em suas letras por meio de referências à cultura, como exemplifica a canção Samba Japa, de 2003

A menina sambou ali
No meio da rua
Na avenida central
Ela não podia parar
E mesmo que as pessoas
Nela tropeçassem
Ela voou pro Japão
Xangô ou shogun
Hiroshima e Xingu
E mais cinco anéis
No rabo de dragão"

Suas composições estão centradas em ritmos dançantes e têm influência direta de Elza Soares, Jorge Benjor, Mutantes, Manu Chao e Stevie Wonder. Este tem relação direta com a maneira que Curumin desenvolve seu estilo de cantar.

A temática de suas letras é essencialmente urbana, sendo a questão do cotidiano na cidade abordada de diversas formas, mas sempre de maneira descontraída. Como a alegria em andar de bicicleta, em Magrela Fever (2008), ou Compacto (2008), que aborda sua paixão por discos compactos de 45 rotações.

Curumin é considerado pela crítica musical um dos principais representantes da nova geração de compositores da cidade de São Paulo, da década de 2000, ao lado de Romulo Fróes, Céu, Leo Cavalcanti, Kiko Dinucci e Tulipa Ruiz.

Obras 7

Abrir módulo

Fontes de pesquisa 5

Abrir módulo

Como citar

Abrir módulo

Para citar a Enciclopédia Itaú Cultural como fonte de sua pesquisa utilize o modelo abaixo: