Ordenação

Tipo de Verbete

Filtros

Áreas de Expressão
Artes Visuais
Cinema
Dança
Literatura
Música
Teatro

Período

Temas


Enciclopédia Itaú Cultural
Teatro

A Viagem

Por Editores da Enciclopédia Itaú Cultural
Última atualização: 12.11.2015
04.09.1972 Brasil / São Paulo / São Paulo
Registro fotográfico Acácio Ribeiro Vallim Júnior

A Viagem, 1972
Acácio Vallim Júnior
Acervo Idart/Centro Cultural São Paulo

Montagem baseada na epopéia Os Lusíadas, de Luís de Camões, adaptada por Carlos Queiroz Telles (1936-1993) num ousado empreendimento de Ruth Escobar (1936), com encenação de Celso Nunes (1941).

Texto

Abrir módulo

Histórico

Montagem baseada na epopéia Os Lusíadas, de Luís de Camões, adaptada por Carlos Queiroz Telles (1936-1993) num ousado empreendimento de Ruth Escobar (1936), com encenação de Celso Nunes (1941).

A produção aproveita o fato de o interior do Teatro Ruth Escobar estar destruído em consequência da cenografia criada para a encenação de O Balcão, de Jean Genet, direção do argentino Victor García, em 1969, para propor uma nova e inusitada montagem, ligada às comemorações do sesquicentenário da independência do Brasil.

Carlos Queiroz Telles realiza uma primeira roteirização do poema de Luís de Camões que é testada durante um curto período de ensaios, a partir do qual é elaborada a forma final das cenas, que integram, em íntima conexão, soluções coreográficas e cenográficas, além da contribuição dos atores. A ambientação cênica criada por Helio Eichbauer (1941) mostra grande poder simbólico: no porão está localizada a partida das naus, recriando uma Lisboa habitada por jograis e saltimbancos medievais misturados às figuras renascentistas do cortejo de Vasco da Gama. Nos espaços intermediários surgem o Velho do Restelo, os episódios do Cabo da Boa Esperança, Melinde, Mombaça, Calecut, enquanto em trapézios altíssimos aparecem os deuses e deusas do Olimpo.

As cenas de batalhas de conquista sobre os nativos são marcantes: os soldados, munidos de metralhadoras, comportam-se como máquinas de guerra, repetindo frases como "rompe-corta-arrasa-talha". A chegada à Índia desvenda um inesperado ambiente, multicolorido e habitado por seres andróginos, criando um clima nirvânico: uma Índia totalmente imaginária, sensual e mística, projeção de sonho de uma civilização cristã cujos estreitos horizontes começam a se alargar. Ao final de sua aventura, Vasco da Gama é aprisionado por Vênus num globo metálico - reprodução tridimensional da ilustração de Da Vinci para a escala estabelecida por Vitrúvio - içado para o espaço infinito.

A crítica Ilka Marinho Zanotto (1930) escreve um longo comentário sobre a encenação, publicado no Brasil e na revista nova-iorquina The Drama Review: "O elogio máximo que se pode fazer ao espetáculo é dizer que ele consegue transpor de modo admirável a maior concepção literária da língua portuguesa, sem traí-la; a partir de uma visão crítica contemporânea, que resulta de uma leitura aguçadíssima do próprio texto camoniano, ele recria o complexo universo renascentista através da interação em proporções áureas do texto, interpretações, cores, luzes, espaços cênicos, sons e ritmos; elementos que confluem para a síntese harmônica de um movimento extraordinariamente amplo e majestoso que perpassa o todo e a tudo envolve como uma grande sinfonia".1

Notas

1. ZANOTTO, Ilka Marinho. A Viagem. In: ANUÁRIO das Artes São Paulo, 1972. São Paulo: Associação Paulista de Críticos de Artes, 1973. p. 57-60. Republicado em inglês no The Drama Review, New York, v. 17, n. 2, p. 66-72, jun. 1973.

 

Ficha Técnica

Abrir módulo
Autoria
Luís de Camões

Adaptação
Carlos Queiroz Telles

Direção
Celso Nunes

Direção (assistente)
Francisco Medeiros
José Carlos de Andrade

Cenografia
Helio Eichbauer (Prêmio Molière, Prêmio Governador do Estado de São Paulo)

Figurino
Helio Eichbauer (Prêmio Governador do Estado de São Paulo)

Iluminação
Milton Lopes

Trilha sonora
Paulo Herculano

Música
Alexandre Garcia / A Viagem

Coreografia
Marilena Ansaldi (Prêmio - melhor coreografia)

Elenco
Abel Bravo / A Viagem
Acácio Vallim Júnior / A Viagem
Alberto Baruque / A Viagem
Aldo Bueno / A Viagem
Antônio Carlos Pedro / A Viagem
Antônio Francisco / A Viagem
Antônio Pompeu / A Viagem
Augusto Rocha / A Viagem
Ausristela Leão / A Viagem
Carlos Alberto / A Viagem
Carlos Fisher / A Viagem
Carlos Roberto dos Santos / A Viagem
Cláudio Campana / A Viagem
Dagoberto Rosa / A Viagem
Douglas Franco / A Viagem
Edson Qualio / A Viagem
Elzithon dos Santos / A Viagem
Esmeralda Souza / A Viagem
Francisco Edilson / A Viagem
Glória Nascimento / A Viagem
Ilda Marçal / A Viagem
Ivan Leyraud / A Viagem
Ivan Lima
Jane Baruque / A Viagem
João Luiz de Oliveira
José Carlos Campos / A Viagem
José Carlos Motta / A Viagem
José Geraldo Barros / A Viagem
Julio Callado / A Viagem
Loriberto Rosa / A Viagem
Luiz Janô / A Viagem
Luiz Serra / A Viagem
Maluá / A Viagem
Marcelino Buru / A Viagem
Marcelo Alvi / A Viagem
Marcelo Galvi / A Viagem
Maria Aparecida de Jesus / A Viagem
Maria Dirce Pinho / A Viagem
Mariza Policastro / A Viagem
Neuza Rocha / A Viagem
Olga Exxias / A Viagem
Olga Maria Andrade / A Viagem
Paulo Azevedo / A Viagem
Raquel Monteiro / A Viagem
Raul Santos / A Viagem
Ricci Martinelli / A Viagem
Roberto Francisco / Coro
Rosa Delmonte / A Viagem
Rossento Martins / A Viagem
Sergio Luiz / Mercúrio
Sônia Grossi / A Viagem
Tim Urbinatti / A Viagem
Vagner Cavalcanti / A Viagem
Valdir Alves / A Viagem
Valter Santos / A Viagem
Vicente de Luca / A Viagem

Produção
Ruth Escobar

Obras 1

Abrir módulo
Registro fotográfico Acácio Ribeiro Vallim Júnior

Fontes de pesquisa 3

Abrir módulo
  • A VIAGEM. Direção Celso Nunes. São Paulo, 1972. 1 folder. Programa do espetáculo, apresentado no Teatro Ruth Escobar em setembro de 1972.
  • FERNANDES, Rofran. Teatro Ruth Escobar: 20 anos de resistência. São Paulo: Global, 1985.
  • ZANOTTO, Ilka Marinho. A Viagem. In: ANUÁRIO das Artes São Paulo, 1972. São Paulo: Associação Paulista de Críticos de Arte, 1973. p. 57-60.

Como citar

Abrir módulo

Para citar a Enciclopédia Itaú Cultural como fonte de sua pesquisa utilize o modelo abaixo: