Artigo da seção pessoas Angelo de Aquino

Angelo de Aquino

Artigo da seção pessoas
Artes visuais  
Data de nascimento deAngelo de Aquino: 02-08-1945 Local de nascimento: (Brasil / Minas Gerais / Belo Horizonte) | Data de morte 20-06-2007 Local de morte: (Brasil / Rio de Janeiro / Rio de Janeiro)
Imagem representativa do artigo

Rex no Seu Carro Amarelo , 1987 , Angelo de Aquino
Reprodução Fotográfica Autoria desconhecida

Biografia

Angelo Rodrigo de Aquino (Belo Horizonte, Minas Gerais, 1945 - Rio de Janeiro, Rio de Janeiro 2007). Pintor e desenhista. Muda-se para o Rio de Janeiro por volta de 1960. Na década de 1960, inicia formação artística no ateliê de pintor e escultor Roberto Moriconi (1932 - 1993), e convive com artistas Rubens Gerchman (1942 - 2008), Roberto Magalhães (1940) e Antonio Dias (1944). Em 1965, é um dos organizadores do evento Propostas 65, na Fundação Armando Álvares Penteado (Faap), São Paulo. Como ilustrador e escritor, colabora na revista Cadernos Brasileiros.

Desde fim dos anos 1960 até a metade da década de 1970, produz obras conceituais, e passa posteriormente à pintura abstrato-geométrica. Em 1970, residindo em Milão, inicia a edição de pequenas publicações de vanguarda. De volta ao Brasil, realiza trabalhos em vídeo e filmes de artista, dos quais é considerado um dos precursores no país. Organiza, com Walter Zanini, a mostra Prospectiva 74, no Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo - MAC/USP. No início dos anos 1980, passa a dedicar-se à pintura figurativa. Em 1984, cria o personagem cão Rex, constantemente retomado em sua produção. Realiza exposição comemorativa dos 10 anos desse personagem, em 1994, no Centro Cultural Banco do Brasil do Rio de Janeiro - CCBB/RJ, intitulada Rez Faz Dez. Em 1997, publica Vida Rex, reeditado em 2004, quando Aquino comemora 40 anos de pintura, com exposição na Casa França-Brasil, no Rio de Janeiro.

Análise

A produção de Angelo de Aquino, na década de 1960, está ligada à temática urbana e à cultura de massa e apresenta uma gama cromática vibrante. Na década de 1970, vincula-se à arte conceitual e posteriormente à abstração geométrica.

Nos anos 1980, seus trabalhos mantém diálogo com a arte pop. Cria o personagem Rex, um cachorro que passa a representar em uma grande série de pinturas. Na opinião de alguns críticos, suas obras mantêm uma ligação com o universo das histórias em quadrinhos e também com a obra do artista norte-americano Keith Haring (1958-1990). Em relação à série Rex, pode-se notar que, nos primeiros trabalhos, o tratamento conferido pelo artista é puramente gráfico. Posteriormente, além do uso explosivo da cor, trabalha a superfície da tela empregando transparências, revelando luminosidades e pinceladas gestuais. Em Rex Visita Vygian Aguilar (1985), faz referência à produção de José Roberto Aguilar (1941), utilizando tons contrastantes, grafismos e gestualidade, criando assim uma superfície vibrante, na qual são inseridas algumas palavras.

Como nota o crítico Roberto Pontual, o trabalho de Angelo de Aquino deixou-se marcar desde o começo pela inquietude na absorção das mais diferentes linguagens contemporâneas, utilizando diversas técnicas como desenho, pintura, arte postal e vídeo.

Outras informações de Angelo de Aquino:

  • Outros nomes
    • Angelo Rodrigo de Aquino
    • Ângelo de Aquino
  • Habilidades
    • Artista multimídia
    • Pintor
    • gravador
    • desenhista
    • fotógrafo
    • Videomaker

Obras de Angelo de Aquino: (8) obras disponíveis:

Exposições (127)

Artigo sobre Opinião 65

Artigo da seção eventos
Temas do artigo: Artes visuais  
Data de inícioOpinião 65: 12-08-1965  |  Data de término | 12-09-1965
Resumo do artigo Opinião 65:

Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro

Artigo sobre Salão da Bússola

Artigo da seção eventos
Temas do artigo: Artes visuais  
Data de inícioSalão da Bússola: 05-11-1969  |  Data de término | 05-12-1969
Resumo do artigo Salão da Bússola:

Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro

Todas as exposições

Eventos relacionados (1)

Artigo sobre sp-arte 2010

Artigo da seção eventos
Temas do artigo: Artes visuais  
Data de iníciosp-arte 2010: 29-04-2010  |  Data de término | 02-05-2010
Resumo do artigo sp-arte 2010:

Fundação Bienal de São Paulo

Fontes de pesquisa (38)

  • AGUILAR, José Roberto; ALMEIDA, Paulo Humberto de. Mostra rastreia criatividade da geração 90. Folha de S. Paulo, São Paulo, 18/09/98. Ilustrada, 10. Não Catalogado
  • ANGELO de Aquino. São Paulo, Montesanti Galleria, 1987
  • Angelo de Aquino: duas pinturas, 1989-1998. Rio de Janeiro, Galeria Toulouse, 1998. Não catalogado
  • Aquino, Angelo de. Angelo de Aquino. São Paulo: Montesanti Galleria, 1987. il. color., foto p.b Aa657 1987
  • AQUINO, Angelo de. O Artista e o colecionador: Angelo de Aquino na coleção Gilberto Chateaubriand.  Rio de Janeiro: Museu Nacional de Belas Artes, 1995.
  • AQUINO, Angelo de. Rex faz dez : pinturas 84/94. Rio de Janeiro: Centro Cultural Banco do Brasil, 1994. [20 p.], il. p.b. color. Aa657 1994
  • AQUINO, Angelo de. Rex faz dez: pinturas 84/94. Texto Wilson Coutinho; versão em inglês Patrícia Anne Tate. Rio de Janeiro: Centro Cultural Banco do Brasil, 1994.
  • AQUINO, Angelo de. Vida Rex . 2. ed. Rio de Janeiro: [s.n.], 2004. 112 p., il. p&b. color. ISBN 85-900456-2-5. 759.98151 Aa657v 2. ed.
  • AQUINO, Angelo de. Vida Rex. Texto Wilson Coutinho. Rio de Janeiro, Zit, 2004. 2.ed. Não catalogado
  • AQUINO, Angelo de. Vida Rex. Texto Wilson Coutinho. Rio de Janeiro, Zit, 2004. 2.ed.

    AR: Exposição de artes plásticas, brinquedos, objetos e maquetes. Rio de Janeiro: Paço Imperial, 1997
  • AR: Exposição de artes plásticas, brinquedos, objetos e maquetes. Rio de Janeiro: Paço Imperial, 1997. [24p.], il. color. RJpi 1997/ar
  • BAR des arts: leilão nº 1. São Paulo: Aldeia do Futuro, 1997. [8] p., il. color. SPaf 1997/b
  • BIENAL BRASIL SÉCULO XX, 1994, São Paulo, SP. Bienal Brasil Século XX: catálogo. Curadoria Nelson Aguilar, José Roberto Teixeira Leite, Annateresa Fabris, Tadeu Chiarelli, Maria Alice Milliet, Walter Zanini, Cacilda Teixeira da Costa, Agnaldo Farias. São Paulo: Fundação Bienal de São Paulo, 1994. 700 BI588sp Sec.XX
  • BIENAL BRASIL SÉCULO XX, 1994, São Paulo, SP. Bienal Brasil Século XX: catálogo. Curadoria Nelson Aguilar, José Roberto Teixeira Leite, Annateresa Fabris, Tadeu Chiarelli, Maria Alice Milliet, Walter Zanini, Cacilda Teixeira da Costa, Agnaldo Farias. São Paulo: Fundação Bienal de São Paulo, 1994.
  • COLEÇÃO Gilberto Chateaubriand: Retrato e auto -Retrato da Arte Brasileira. São Paulo: MAM, 1984. [104] .p, il. color. SPmam 1984/r
  • COLEÇÃO Gilberto Chateaubriand: retrato e auto-retrato da arte brasileira. São Paulo: MAM, 1984.
  • ECO ART. Rio de Janeiro: Spala, 1992.
  • ECO Art. Rio de Janeiro: Spala, 1992. 288 p., il. color. ISBN 85-7048-042-3. 759.98104 P964e
  • LEILÕES de Arte (venda n. 41) : Projeto Arte Atual Brasil. São Paulo: Renato Magalhães Gouvêa Escritório de Arte, 1995. 48 p. SPrmg 1995 n. 41
  • LEITE, José Roberto Teixeira. Dicionário crítico da pintura no Brasil. Rio de Janeiro: Artlivre, 1988.
  • Morre o artista Ângelo de Aquino. O Estado de S. Paulo, 21 junho 2007. Caderno 2, D2. O Estado de S. Paulo
  • O DESENHO moderno no Brasil: Coleção Gilberto Chateaubriand. São Paulo: Galeria de Arte do Sesi, 1993. 64 p., il. p&b color. SPsesi 1993
  • O DESENHO moderno no Brasil: Coleção Gilberto Chateaubriand. São Paulo: Galeria de Arte do Sesi, 1993. 64 p., il. p&b color.
  • OPINIÃO 65. Curadoria e apresentação Frederico Morais. Rio de Janeiro: Galeria de Arte Banerj, 1985. (Ciclo de exposições sobre arte no Rio de Janeiro). RJbanerj 1985/o
  • OPINIÃO 65. Curadoria e apresentação Frederico Morais. Rio de Janeiro: Galeria de Arte Banerj, 1985. (Ciclo de exposições sobre arte no Rio de Janeiro).
  • OPINIÃO 65: 30 anos. Curadoria e texto Wilson Coutinho, Cristina Aragão; versão em inglês Odila Stevenson, Carolyn Brisset, Hugo Moss. Rio de Janeiro: Centro Cultural Banco do Brasil, 1995. RJccbb 1995/op
  • OPINIÃO 65: 30 anos. Curadoria e texto Wilson Coutinho, Cristina Aragão; versão em inglês Odila Stevenson, Carolyn Brisset, Hugo Moss. Rio de Janeiro: Centro Cultural Banco do Brasil, 1995.
  • PONTUAL, Roberto. Arte brasileira contemporânea: Coleção Gilberto Chateaubriand. Apresentação Pereira Carneiro; tradução Florence Eleanor Irvin, John Knox. Rio de Janeiro: Edições Jornal do Brasil, 1976. 478 p. 709.81 Cg492p
  • PONTUAL, Roberto. Arte brasileira contemporânea: Coleção Gilberto Chateaubriand. Apresentação Pereira Carneiro; tradução Florence Eleanor Irvin, John Knox. Rio de Janeiro: Edições Jornal do Brasil, 1976. 478 p.
  • PONTUAL, Roberto. Entre dois séculos: arte brasileira do século XX na coleção Gilberto Chateaubriand. Rio de Janeiro: Edições Jornal do Brasil, 1987. 709.8104 Cg492pr
  • PONTUAL, Roberto. Entre dois séculos: arte brasileira do século XX na coleção Gilberto Chateaubriand. Rio de Janeiro: Edições Jornal do Brasil, 1987.
  • REX faz dez: pinturas 84/94. Rio de Janeiro, Centro Cultural Banco do Brasil, 1994.
  • SÃO Paulo - Rio - Paris. Apresentação de Marie-Odile Briot. Textos de Isaac Ortizar et al. São Paulo: Montesanti Galleria, 1987.
  • SÃO Paulo - Rio - Paris. SÃO Paulo: Montesanti Galleria, 1987. [23] p., il., color., fotos. SPmg 1987
  • SEIS artistas conceituais. Apresentação de Senir Lourenço Fernandez. São Paulo: MAC/USP, 1973.
  • SEIS artistas conceituais. São Paulo: MAC/USP, 1973. , il. p&b. SPmac 1973/s
  • VELHA Mania: desenho brasileiro. Rio de Janeiro, EAV do Parque Lage, 1985.
  • VELHA mania: desenho brasileiro. Rio de Janeiro: Escola de Artes Visuais do Parque Lage, 1985. 76p., il. p.b. CAT-G RJeavpl 1985

Como citar?

Para citar a Enciclopédia Itaú Cultural como fonte de sua pesquisa utilize o modelo abaixo:

  • ANGELO de Aquino. In: ENCICLOPÉDIA Itaú Cultural de Arte e Cultura Brasileiras. São Paulo: Itaú Cultural, 2018. Disponível em: <http://enciclopedia.itaucultural.org.br/pessoa9680/angelo-de-aquino>. Acesso em: 20 de Nov. 2018. Verbete da Enciclopédia.
    ISBN: 978-85-7979-060-7