Artigo da seção pessoas Henrique Boese

Henrique Boese

Artigo da seção pessoas
Artes visuais  
Data de nascimento deHenrique Boese: 02-06-1897 Local de nascimento: (Alemanha / Berlim / Berlim) | Data de morte 24-12-1982 Local de morte: (Brasil / São Paulo / São Paulo)
Imagem representativa do artigo

Fantasia , 1965 , Henrique Boese
Reprodução fotográfica autoria desconhecida

Biografia

Henrique Boese (Berlim, Alemanha, 1897 - São Paulo, São Paulo, 1982). Pintor e professor. Ingressa na Academia de Belas Artes de Berlim em 1919, onde é aluno da pintora e artista gráfica expressionista Käthe Kollwitz (1867-1945). Muda-se para o Brasil, em conseqüência da Segunda Guerra Mundial (1939-1945), e reside no Rio de Janeiro a partir de 1939. Aproxima-se do círculo de artistas ligados ao pintor Axl Leskoschek (1889-1975). Começa a lecionar desenho e pintura, entre seus alunos destaca-se Almir Mavignier (1925). Realiza sua primeira individual no Instituto dos Arquitetos do Brasil (IAB/RJ), em 1947. Viaja para a Europa em 1951. Retorna ao Brasil, reside sucessivamente em pequenas cidades paulistas: Ubatuba, Caraguatatuba e Monteiro Lobato. Fixa residência em São Paulo em 1955. Em 1972, é realizada a exposição Henrique Boese: 30 Anos de Pintura no Brasil, no Museu de Arte Moderna de São Paulo (MAM/SP). Duas retrospectivas póstumas de sua produção são apresentadas em São Paulo: no Museu Lasar Segall, em 1986, e na Galeria São Paulo, em 1988.

Análise

Henrique Boese cursa, entre 1915 e 1921, a Academia de Belas Artes de Berlim, ambiente em que predominam tendências ligadas ao expressionismo, e estuda com a gravadora Käthe Kollwitz (1867-1945), além de outros artistas. Muda-se para o Brasil em 1939, em conseqüência da II Guerra Mundial (1939-1945), aproximando-se do círculo de pintores ligados a Axl Leskoschek. Sua produção do período apresenta uma figuração com formas distorcidas e certo caráter dramático. Pinta retratos, naturezas-mortas e paisagens que revelam simplificação formal e uma paleta de cores contrastantes, como em Paisagem de Santa Teresa (1945).

O artista passa cada vez mais a criar obras que se situam entre a figuração e a abstração, enfatizando os campos de cor. Somente em fins dos anos 1950 sua pintura passa à abstração, sobrevivendo nela, entretanto, uma reminiscência do figurativo. Nas obras dessa época, a geometria predomina sobre o gesto, como em Construção (1961). Explora em seus quadros as texturas densas e as transparências, utilizando cores contrastantes e criando inesperadas harmonias, como em Equilíbrio (1970). Suas obras apresentam relação com a música, revelada também em seus títulos.

Na opinião do crítico Olívio Tavares de Araújo, a produção de Boese  revela um equilíbrio entre puro lirismo e rigor. Segundo o crítico, a produção do artista permanece ainda pouco conhecida, entre outros motivos, pelo fato de ter ele se mantido à margem das tendências predominantes no país, não se vinculando a nenhum grupo artístico.

Outras informações de Henrique Boese:

  • Outros nomes
    • Heinrich Heinz Boese
    • Boese
    • H. Boese
    • Heinrich Böese
    • Heinz Boese
    • Henrique Heinz Boese
  • Habilidades
    • Pintor
    • professor de artes plásticas
  • Relações de Henrique Boese com outros artigos da enciclopédia:

Obras de Henrique Boese: (22) obras disponíveis:

Todas as obras de Henrique Boese:

Exposições (53)

Todas as exposições

Fontes de pesquisa (21)

  • PFEIFFER, Wolfgang. Artistas alemães e o Brasil. São Paulo: Empresa das Artes, 1996. 155 p., il. color. 759.943 P527a
  • PFEIFFER, Wolfgang. Artistas alemães e o Brasil. São Paulo: Empresa das Artes, 1996. 155 p., il. color.
  • AYALA, Walmir (org.). Dicionário brasileiro de artistas plásticos. Brasília: MEC / INL, 1980. v.4: Q a Z. (Dicionários especializados, 5).
  • BOESE, Henrique. Henrique Boese: pintura só pintura. São Paulo: Museu Lasar Segall, 1986. 28p. il. color., fot. (Ciclo Momentos da Pintura Paulista).
  • BOESE, Henrique. Henrique Boese: um pintor fora das modas. São Paulo: Galeria São Paulo, 1988. il. color.
  • BOESE, Henrique. Henrique Boese. Apresentação Olívio Tavares de Araújo. São Paulo: Galeria Arte Global, 1975. 8 p., 4 lâms., il. B672 1975
  • BOESE, Henrique. Henrique Boese: 30 anos de pintura no Brasil. São Paulo: MAM, 1972. il. p.b. color., fot. B672 1972
  • BOESE, Henrique. Henrique Boese: pintura só pintura. São Paulo: Museu Lasar Segall, 1986. 28p. il. color., fot. B672 1986
  • BOESE, Henrique. Henrique Boese: um pintor fora das modas. Texto João Cândido Galvão. São Paulo: Galeria São Paulo, 1988. [24] p., il. color. B672 1988
  • CAVALCANTI, Carlos (org.). Dicionário brasileiro de artistas plásticos. Brasília: MEC / INL, 1973. v.1: A a C. (Dicionários especializados, 5). R703.0981 C376d v.1 pt. 1
  • LEITE, José Roberto Teixeira. Dicionário crítico da pintura no Brasil. Rio de Janeiro: Artlivre, 1988. R759.981 L533d
  • LEITE, José Roberto Teixeira. Dicionário crítico da pintura no Brasil. Rio de Janeiro: Artlivre, 1988.
  • PONTUAL, Roberto. Dicionário das artes plásticas no Brasil. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1969. R703.0981 P818d
  • PONTUAL, Roberto. Entre dois séculos: arte brasileira do século XX na coleção Gilberto Chateaubriand. Rio de Janeiro: Edições Jornal do Brasil, 1987. 709.8104 Cg492pr
  • PONTUAL, Roberto. Entre dois séculos: arte brasileira do século XX na coleção Gilberto Chateaubriand. Rio de Janeiro: Edições Jornal do Brasil, 1987.
  • TEMPOS de guerra: Hotel Internacional / Pensão Mauá. Curadoria Frederico Morais. Rio de Janeiro: Galeria de Arte Banerj, 1986. (Ciclo de exposições sobre arte no Rio de Janeiro). RJbanerj 1986/t
  • TEMPOS de guerra: Hotel Internacional / Pensão Mauá. Curadoria Frederico Morais. Rio de Janeiro: Galeria de Arte Banerj, 1986. (Ciclo de exposições sobre arte no Rio de Janeiro).
  • ZANINI, Walter (Coord.). História geral da arte no Brasil. São Paulo: Instituto Moreira Salles: Fundação Djalma Guimarães, 1983. v.2. 709.81 H673 v.1
  • ZANINI, Walter (Coord.). História geral da arte no Brasil. São Paulo: Instituto Moreira Salles: Fundação Djalma Guimarães, 1983. v.2. 709.81 H673 v.2
  • ZANINI, Walter (Coord.). História geral da arte no Brasil. São Paulo: Instituto Moreira Salles: Fundação Djalma Guimarães, 1983. v.2.

Como citar?

Para citar a Enciclopédia Itaú Cultural como fonte de sua pesquisa utilize o modelo abaixo:

  • HENRIQUE Boese. In: ENCICLOPÉDIA Itaú Cultural de Arte e Cultura Brasileiras. São Paulo: Itaú Cultural, 2019. Disponível em: <http://enciclopedia.itaucultural.org.br/pessoa8741/henrique-boese>. Acesso em: 17 de Jan. 2019. Verbete da Enciclopédia.
    ISBN: 978-85-7979-060-7