Artigo da seção pessoas Marcos Santilli

Marcos Santilli

Artigo da seção pessoas
Artes visuais / teatro  
Data de nascimento deMarcos Santilli: 27-07-1951 Local de nascimento: (Brasil / São Paulo / Assis)
Imagem representativa do artigo

Caçador Suruí, Parque Indígena do Aripuanã RO , 1978 , Marcos Santilli

Biografia
José Marcos Brando Santilli (Assis SP 1951). Fotógrafo, curador e produtor cultural. No início da década de 1970, abandona o curso de artes e arquitetura da Universidade de Brasília - UnB para atuar como fotojornalista nos periódicos Diário de Brasília e Jornal de Brasília. Estuda fotografia na escola Agfa Gevaert, em 1973, em Londres, e de volta ao Brasil, entre 1974 e 1978, fotografa para a sucursal da Editora Abril em Brasília. Paralelamente, inicia projeto de documentação audiovisual e fotográfica das transformações sociais e ambientais em Rondônia e no Acre. No começo dos anos 1980, transfere-se para São Paulo e trabalha no Instituto de Documentação e Artes da Prefeitura Municipal. Empenhado na melhoria das condições de trabalho dos fotógrafos, em 1977 e 1978, torna-se vice-presidente da União dos Fotógrafos de Brasília e, de 1981 a 1982, da União dos Fotógrafos de São Paulo, e é um dos membros-fundadores do Núcleo dos Amigos da Fotografia - NAFoto. De 1998 a 2003, dirige o Museu da Imagem e do Som de São Paulo - MIS/SP. No decorrer de sua carreira, recebe diversas bolsas de estudo nas áreas de fotografia, cinema, vídeo e informática, entre as quais se destacam as concedidas pela John Simon Guggenheim Memorial Foundation, em 1981, pela Fundação Vitae, em 1988, e pela The Fulbright Commission, em 1989. É autor dos livros Are, 1987; Madeira-Mamoré Imagem e Memória, 1987; e Amazon - A Young Reader's Look at the Last Frontier, 1991.

Comentário crítico
Fotojornalista com experiência em importantes jornais e revistas do Brasil, Marcos Santilli destaca-se no cenário da fotografia documental com ensaios sobre as transformações ambientais e sociais ocorridas no Acre e em Rondônia nos últimos 30 anos. Nesse período, registra em fotos e vídeos as mudanças e os conflitos provocados pela instalação de madeireiras e indústrias de extração mineral na Região Amazônica. Nas imagens, é possível acompanhar a devastação da floresta, a degradação da paisagem provocada pelos garimpos, o processo de aculturação de tribos indígenas, a miscigenação e a urbanização das comunidades campesinas. Santilli descreve o trabalho dos garimpeiros, seringueiros, as atividades de subsistência dos índios e documenta o envelhecimento das populações locais fotografando os mesmos indivíduos em diferentes períodos. A importância de seu trabalho consiste, sobretudo, em contar a história recente da região. Do ponto de vista formal, o trabalho chama atenção pela saturação de cores, pelo equilíbrio e pela simetria dos enquadramentos.

continuar a leitura do texto Continuar a leitura do texto...

Outras informações de Marcos Santilli:

  • Outros nomes
    • José Marcos Brando Santilli
  • Habilidades
    • fotógrafo

Obras de Marcos Santilli: (24) obras disponíveis:

Todas as obras de Marcos Santilli:

Espetáculos (1)

Exposições (17)

Artigo sobre Visões e Alumbramentos: fotografia contemporânea brasileira da coleção Joaquim Paiva (2002 : São Paulo, SP)

Artigo da seção eventos
Temas do artigo: Artes visuais  
Data de inícioVisões e Alumbramentos: fotografia contemporânea brasileira da coleção Joaquim Paiva (2002 : São Paulo, SP): 21-03-2002  |  Data de término | 25-03-2002
Resumo do artigo Visões e Alumbramentos: fotografia contemporânea brasileira da coleção Joaquim Paiva (2002 : São Paulo, SP):

Oca (São Paulo, SP)

Eventos relacionados (3)

Fontes de pesquisa (12)

  • OUTEIRO, Robson (coord.); PAIVA, Joaquim (org.). Visões e alumbramentos: fotografia brasileira contemporânea na coleção Joaquim Paiva. Versão em inglês Katica Szabó, Laura Ferrari; fotografia Denise Andrade. São Paulo: BrasilConnects Cultura & Ecologia, 2002. 296 p., il. p&b. color.
  • AMARAL, Aracy (org.); FERNANDES JÚNIOR, Rubens (org.). São Paulo imagens de 1998. Introdução Aracy Amaral, Rubens Fernandes Júnior; texto Aracy Amaral, Rubens Fernandes Júnior, Nelson Brissac Peixoto, Cacilda Teixeira da Costa, Nair Benedicto, Ivan Ângelo. São Paulo: Rio, 1998. 335 p. : foto.
  • ARAÚJO, Zeka (coord.). Mostra de fotografia 6: classe média brasileira. Rio de Janeiro: Funarte, 1980. 14 folhas soltas, il. p&b.
  • BRIL, Stefania. Santilli: o documento feito poesia. O Estado de S. Paulo, São Paulo, 03 jul. 1985. p. 15.
  • CARBONCINI, Anna (coord.). Coleção Pirelli/MASP de Fotografias : v. 1. Introdução Fábio Magalhães, Piero Sierra; texto Boris Kossoy; versão em inglês Kevin M. Benson Mundy. São Paulo: MASP, 1991. 80 p., il. p&b. color.
  • FERNANDES JÚNIOR, Rubens. Labirinto e identidades: panorama da fotografia no Brasil [1946-1998]. São Paulo: Cosac & Naify, 2003. 232 p., 124 il.
  • KUBRUSLY, Cláudio Araújo; HUMBERTO, Luis; HOFFMANN, Assis. Mostra de fotografia 1: proposta : Nossa Gente. Rio de Janeiro: Funarte, 1979. 14 folhas soltas, il. p&b.
  • LYRIO, Andréa (coord.). Fotografia brasileira contemporânea na coleção Carlos Leal. Apresentação Angela Magalhães, Nadja Fonseca Peregrino. Rio de Janeiro: Caixa Cultural, [2006]. 80 p., il. p&b color.
  • MACHADO, Arlindo. O rigor e a emoção do olhar. Folha de S. Paulo, São Paulo, 09 jun. 1985. Ilustrada, p. 74.
  • Programa do Espetáculo - Entre Quatro Paredes - 1974 Não catalogado
  • SANTILLI, Marcos. Àre. Textos de Betty Mindlin. São Paulo: Sver & Boccato, 1987.
  • SANTILLI, Marcos. Fazendas de café: Vale do Paraíba. São Paulo: Secretaria de Estado da Cultura, 1980. 26 p., il., figs., fotos. (Cadernos de Fotografia, 4).

Como citar?

Para citar a Enciclopédia Itaú Cultural como fonte de sua pesquisa utilize o modelo abaixo:

  • MARCOS Santilli. In: ENCICLOPÉDIA Itaú Cultural de Arte e Cultura Brasileiras. São Paulo: Itaú Cultural, 2017. Disponível em: <http://enciclopedia.itaucultural.org.br/pessoa8052/marcos-santilli>. Acesso em: 23 de Set. 2017. Verbete da Enciclopédia.
    ISBN: 978-85-7979-060-7