Artigo da seção pessoas Ana Regina Moreira

Ana Regina Moreira

Artigo da seção pessoas
Dança  
Data de nascimento deAna Regina Moreira: 21-09-1931 Local de nascimento: (Brasil / Pernambuco / Recife) | Data de morte 23-04-1965 Local de morte: (Brasil / Pernambuco / Recife)

Biografia
Ana Regina de Albuquerque Melo (Recife PE 1931 - idem 1965). Professora, coreógrafa, bailarina e arquiteta. O primeiro contato de Ana Regina com a dança ocorre no Ginásio Vera Cruz - que oferece aulas de danças clássicas (ca. 1939) - onde cursa o primário. Em 1946, estuda no Colégio Sacre Coeur de Marie, no Rio de Janeiro, continuando seus estudos de dança. Retorna ao Recife poucos anos depois devido à morte do pai.

Em 1950, ingressa no curso de arquitetura da Escola de Belas Artes da Universidade do Recife (UR). Nesse mesmo ano, participa das comemorações em homenagem ao Centenário do Teatro de Santa Isabel como solista no espetáculo Um Século de Glória, criado em 1950 pelo Teatro de Amadores de Pernambuco (TAP) especialmente para a data. O trabalho tem coreografias de Cecy Cantinho Lôbo e Walter de Oliveira e músicas de Valdemar de Oliveira, entre outros. Nessa época começa sua carreira como professora de balé clássico no Clube Português, formando seu primeiro curso de dança.

Em 1954, Ana Regina transfere o curso para o Clube Internacional do Recife. Realiza anualmente festival com apresentações dos alunos, em que atua também como coreógrafa. Em 1958, leva o seu grupo de alunas para se apresentar no 1º Congresso Brasileiro de Teatro Amadores, em Natal, com patrocínio do Governo do Estado de Pernambuco. Essa é, provavelmente, a primeira apresentação de um grupo de balé pernambucano em outro estado. Apresenta as criações Vinde, Doce Morte e Os Medalhões (ambos de 1959), com textos do escritor Ariano Suassuna (1927), no 1º Encontro de Escolas de Dança do Brasil, realizado em Curitiba, em 1962. Em 1960, assume o cargo de professora efetiva da Universidade de Recife, atual Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), ministrando a disciplina expressão corporal no curso de teatro da Escola de Belas Artes. Morre prematuramente aos 34 anos, em decorrência de complicações médicas no parto do seu sétimo filho.

Comentário Crítico
Ana Regina Moreira é reconhecida pela sua atuação no ensino do balé clássico em Recife, na década de 1950, quando os cursos de formação em dança eram escassos na cidade. Mantém, por uma década (1954 a 1964), o Curso de Dança no Clube Internacional do Recife, além de ministrar aulas em outras instituições da cidade. A realização de festivais para apresentação de seus alunos, que promove anualmente, é uma importante ação de visibilidade da dança no estado e repercute na imprensa local.

É reconhecida pelo seu trabalho pedagógico também nacionalmente, sendo citada pelo diretor e crítico teatral Paschoal Carlos Magno (1906-1980) como destaque no 1º Encontro de Escolas de Dança do Brasil. Magno elogia a aula pública ministrada por ela1. O Curso de Dança do Clube Internacional do Recife e o Curso de Danças Clássicas Flávia Barros são os únicos representantes do estado no primeiro e no segundo Encontro de Escolas de Dança do Brasil, realizados em 1962 e 1963, respectivamente.

Ana Regina Moreira também conta com a parceria do escritor Ariano Suassuna (1927), que escreve um poema homônimo para a coreografia Vinde, Doce Morte (1959) - que tem trilha sonora de Bach - e elabora o roteiro de Os Medalhões (1959), com música de Guerra Peixe. Esse é o primeiro diálogo de Suassuna com uma artista da dança. Posteriormente, o escritor se preocupa "em incluir a dança nos propósitos estéticos do Armorial"2.

 

Notas
1 MAGNO, Paschoal Carlos. Diário da Noite, 29 abr. 1965. In: SIQUEIRA, Arnaldo. Ana Regina. Recife: Ed. do Autor, 2005, p. 71.

2 RAMOS, Roberta Marques. Deslocamentos armoriais: da afirmação épica do popular na Nação Castanha de Ariano Suassuna ao corpo-história do Grupo Grial. Recife, 2008. Tese de Doutorado. Programa de Pós-graduação em Letras, UFPE. p. 183.

Outras informações de Ana Regina Moreira:

  • Outros nomes
    • Ana Regina de Albuquerque Melo
    • Ana Regina
  • Habilidades
    • coreógrafo
    • bailarina
    • professor de dança
    • arquiteto

Fontes de pesquisa (3)

  • RAMOS, Roberta Marques. Deslocamentos Armoriais: da afirmação épica do popular na Nação Castanha de Ariano Suassuna ao corpo-história do Grupo Grial. Recife, 2008. Tese de Doutorado. Programa de Pós-graduação em Letras, UFPE.
  • SIQUEIRA, Arnaldo. Ana Regina. Recife: Ed. do Autor, 2005.
  • SIQUEIRA, Arnaldo; LOPES, Antonio. Flávia Barros. Recife: Ed. do Autor, 2004.

Como citar?

Para citar a Enciclopédia Itaú Cultural como fonte de sua pesquisa utilize o modelo abaixo:

  • ANA Regina Moreira. In: ENCICLOPÉDIA Itaú Cultural de Arte e Cultura Brasileiras. São Paulo: Itaú Cultural, 2017. Disponível em: <http://enciclopedia.itaucultural.org.br/pessoa479001/ana-regina-moreira>. Acesso em: 22 de Set. 2017. Verbete da Enciclopédia.
    ISBN: 978-85-7979-060-7