Artigo da seção pessoas Vicente de Carvalho

Vicente de Carvalho

Artigo da seção pessoas
Literatura  
Data de nascimento deVicente de Carvalho: 05-04-1866 Local de nascimento: (Brasil / São Paulo / Santos) | Data de morte 22-04-1924 Local de morte: (Brasil / São Paulo / Santos)
Imagem representativa do artigo

Poemas e Canções , 1908 , Vicente de Carvalho
Reprodução Fotográfica Horst Merkel

Biografia
Vicente Augusto de Carvalho (Santos SP, 1866 - idem, 1924). Poeta, contista, jornalista e juiz de direito. Revela interesse precoce pela poesia, escrevendo os primeiros versos aos 8 anos. Ingressa na Faculdade de Direito de São Paulo aos 16 anos, formando-se em 1886, um ano depois da publicação de Ardentias, a estreia em livro. Colabora para os jornais O Patriota, A Ideia Nova, Piratini, O Correio da Manhã e A Tribuna, sustentando ideais republicanos e abolicionistas.

Eleito membro do Diretório Republicano de Santos SP, participa da Boemia Abolicionista, encaminhando escravos fugitivos para o Quilombo Jabaquara - a situação será mote para o poema épico "Fugindo ao cativeiro", publicado em 1908 em Poemas e Canções, título com que se notabiliza. Em 1889 é redator do Diário de Santos e funda o Diário da Manhã em Santos. Eleito deputado em 1891, participa da Comissão Redatora da Constituinte. Abandona a carreira política em 1892, após demitir-se do cargo de secretário do Interior do Estado.

Entre 1894 e 1913 colabora em O Estado de S. Paulo sob o pseudônimo de João d'Amaia. De volta a Santos desde 1901, exerce a advocacia, funda O Jornal em 1905 e colabora para a Revista dos Educadores em 1912. É eleito membro da Academia Brasileira de Letras em 1909. No período de 1914 a 1920 atua como desembargador do Tribunal de Justiça do Estado, em Santos. Tendo já publicado verso e prosa, em 1924 lança Luizinha, comédia em dois atos.

Comentário Crítico
Reconhecido principalmente como poeta, Vicente de Carvalho é ora identificado como o quarto maior parnasiano brasileiro - atrás de Olavo Bilac (1865 - 1918), Raimundo Correia (1859 - 1911) e Alberto de Oliveira (1857 - 1937) -, ora considerado um parnasiano atípico. Seus versos dedicam-se a temas como o amor, a morte e a natureza, em especial o mar.

continuar a leitura do texto Continuar a leitura do texto...

Outras informações de Vicente de Carvalho:

  • Outros nomes
    • O Poeta do Mar
    • Vicente Augusto de Carvalho
    • João D'Amaia
  • Habilidades
    • poeta
    • contista
    • jornalista
    • Juiz de Direito
    • cronista
    • advogado
    • político
    • dramaturgo

Obras de Vicente de Carvalho: (1) obras disponíveis:

Como citar?

Para citar a Enciclopédia Itaú Cultural como fonte de sua pesquisa utilize o modelo abaixo:

  • VICENTE de Carvalho. In: ENCICLOPÉDIA Itaú Cultural de Arte e Cultura Brasileiras. São Paulo: Itaú Cultural, 2017. Disponível em: <http://enciclopedia.itaucultural.org.br/pessoa2988/vicente-de-carvalho>. Acesso em: 23 de Nov. 2017. Verbete da Enciclopédia.
    ISBN: 978-85-7979-060-7