Pessoas

Edith Behring

Outros Nomes: Edith Behring | Edite Behring
  • Análise
  • Biografia
    Edith Behring (Rio de Janeiro RJ 1916 - idem 1996). Gravadora, pintora, desenhista, professora. Inicia sua formação estudando desenho e pintura com Candido Portinari (1903-1962). Pela antiga Universidade do Distrito Federal, obtém licenciatura em educação artística. Entre os anos de 1944 e 1950, reside em Belo Horizonte, onde ensina desenho na Escola Guignard. De volta ao Rio de Janeiro, aprende xilogravura e desenho em guache com Axl Leskoschek (1889-1975) e gravura em metal com Carlos Oswald (1882-1971), na Fundação Getúlio Vargas (FGV). Em 1953, é contemplada com uma bolsa de estudo de pintura do governo francês. Em Paris, encontra Milton Dacosta (1915-1988) e Maria Leontina (1917-1984), que lhe indicam o ateliê de Johnny Friedlaender (1912 - 1992). Abandona, então, a idéia de estudar pintura e ingressa no curso de gravura em metal. Nesse período, começa a trabalhar com Flavio-Shiró (1928), João Luís Chaves (1924) e Mário Carneiro. Em 1955, realiza sua primeira exposição individual, na Galerie Saint Placide, em Paris. Ao voltar ao Brasil, em 1957, é convidada a lecionar no Instituto de Belas Artes do Rio de Janeiro - IBA, atual Escola de Artes Visuais do Parque Lage - EAV/Parque Lage. Em 1959, organiza o Ateliê de Gravura do Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro (MAM/RJ), onde trabalha com Anna Letycia (1929) e Rossini Perez (1932) e permanece por dez anos. Em 1963 é premiada na Bienal Americana de Gravura de Santiago. Participa das Bienais Internacionais de São Paulo, de 1957 a 1967. Em 1980, recebe o prêmio melhor exposição individual da Associação Paulista dos Críticos de Arte (APCA). Em 1983, a Galeria Banerj realiza uma retrospectiva de suas obras.

    Comentário Crítico
    No início dos anos 1950, Edith Behring desenvolve algumas xilogravuras de topo de temática social. Da xilogravura passa à gravura em metal. A figuração presente em suas estampas iniciais logo dá lugar a composições mais abstratas. Suas gravuras começam a retirar da linha, do plano, da cor, da luz e das características dos materiais trabalhados elementos que vão do mais extremo rigor das formas ao mais envolvente clima poético.

    Com o mesmo título de Composição Abstrata, entre 1950 e 1990, a artista produz estampas principalmente em água-tinta e água-forte que, muitas vezes, são trabalhadas em duas impressões, produzindo acréscimos de linhas e de cores que dão movimento à imagem.

    Para a artista e professora, o aprendizado técnico e seu aperfeiçoamento são fundamentais. É exatamente esse domínio preciso que lhe permite inovar. Em alguns trabalhos da década de 1970, por exemplo, recusa a utilização do ácido para tentar novos resultados por meio da areia e da araldite.

    Alheia ao engajamento sociopolítico que marca os Clubes de Gravura disseminados, nas décadas de 1940 e 1950, no Brasil, Edith Behring busca desenvolver uma poética abstrata, contra uma representação ou transposição fiel da realidade. Traz para seus trabalhos um fazer artístico pautado, na subjetividade.

Exposições

Exibir

Fontes de Pesquisa

POÉTICA da resistência: aspectos da gravura brasileira. Apresentação Carlos Eduardo Moreira Ferreira, M. F. do Nascimento Brito; introdução Armando Mattos, Marcus de Lontra Costa; texto Marcus de Lontra Costa; curadoria Armando Mattos, Denise Mattar, Marcus de Lontra Costa. Rio de Janeiro: MAM, 1994. 63 p., il. p&b., color.

PANORAMA DE ARTE ATUAL BRASILEIRA, 1969, SÃO PAULO, SP. Panorama de Arte Atual Brasileira 1969. São Paulo: MAM, 1969. [11] p.

OS COLECIONADORES - Guita e José Mindlin: matrizes e gravuras. Curadoria Jacob Klintowitz; projeto gráfico Diana Mindlin; fotografia Lucia Mindlin Loeb; apresentação Horacio Lafer Piva, Jaime A. Greene; texto José Mindlin, Jacob Klintowitz. São Paulo: Centro Cultural FIESP, 1998. [64] p., il. color.

O QUE faz você agora Geração 60? : Jovem arte contemporânea dos anos 60 revisitada. São Paulo: MAC/USP, 1992. , il. color. p.b.

MULHERES gravadoras: uma homenagem à Edith Behring. Curadoria e texto Ana Maria Netto Nogueira; pesquisa Ana Maria Netto Nogueira; revisão Edith Piza; introdução Frederico Lencioni Neto, Ronaldo Oliveira; apresentação Ana Maria Netto Nogueira; depoimento Fayga Ostrower, Renina Katz, Anna Letycia Quadros, Maria Bonomi, Iole Di Natale, Lourdes D. Bonaldi, Ana Cristina Andrade, Luise Weiss, Laurita Salles, Salete Mulin, Helena Freddi. Jacareí: Casa da Gravura, 1998. 52 p., il. p.b. color.

MOSTRA DE GRAVURA CIDADE DE CURITIBA, 9., 1990. IX Mostra da Gravura Cidade de Curitiba. Curadoria Uiara Bartira; apresentação Lúcia Camargo; texto Olívio Tavares de Araújo, Annateresa Fabris; fotografia Marcos Campos, Guto Andrade; texto Fernando Calderari, Aloys Senefelder, Lina Benghi, Darel, Paulo Azevedo Chaves, Maria Tomaselli, Sandra Favero, Dodora Guimarães; curadoria e texto Nilza Procopiak; curadoria Alex Gama; texto Julieta Fialho dos Reis; colaboração Julieta Fialho dos Reis, Tania Zaruch; texto Ubirajara Ribeiro. Curitiba: Fundação Cultural de Curitiba, 1990. 140 p., il. p&b.

4 mestres da gravura brasileira. Apresentação Mozart Amaral; texto Geraldo Edson de Andrade. Rio de Janeiro: Sesc Copacabana, 1996. folha dobrada, il. color.

1º Salão SESC de gravura. Curadoria Geraldo Edson de Andrade; projeto gráfico Ivan Ferreira; apresentação Mozart Amaral. Rio de Janeiro: Sesc Copacabana, 1996. [16 p.], il. color.

12 artistas brasileiros. Texto Paulo Mendes de Almeida. Jerusalen: Belazel Museum Jerusalen, 1960. f. dobrada, il. p&b.

FERREIRA, Heloisa Pires (Org.); TÁVORA, Maria Luisa Luz (Org.). Gravura brasileira hoje: depoimentos. Depoimento Anna Letycia, Antônio Grosso, Carlos Scliar, Marília Rodrigues. Rio de Janeiro: Oficina de gravura SESC-Tijuca, 1995. v. 1, 143 p., il. ISBN 85-85791-02-0.

EXPOSIÇÃO DA JOVEM GRAVURA NACIONAL, 2., 1966, São Paulo; BORDALLO, Maria Rita (Coord.). II Exposição da jovem gravura nacional. Projeto gráfico Donato Ferrari; fotografia German Lorca; introdução Walter Zanini; apresentação Pedro Manuel. São Paulo: MAC, 1966. [24 p.], il. p.b.

BIENAL BRASIL SÉCULO XX, 1994, São Paulo, SP; AGUILAR, Nelson (Org.). Bienal Brasil Século XX: catálogo. Apresentação Edemar Cid Ferreira; texto José Roberto Teixeira Leite, Annateresa Fabris, Tadeu Chiarelli, Maria Alice Milliet, Walter Zanini, Agnaldo Farias; curadoria Nelson Aguilar, José Roberto Teixeira Leite, Annateresa Fabris, Tadeu Chiarelli, Maria Alice Milliet, Walter Zanini, Cacilda Teixeira da Costa, Agnaldo Farias; projeto arquitetônico Ronald Cavaliere, José Roberto Graciano, Tereza Mas Santa Creu, Lia Rafael do Santo; produção Romão Veriano da Silva Pereira, Suzanna Sassoun; montagem Guiomar Morelo, Carlos Verna, Renata Vieira da Motta, Paulo de Tarso Gracia, Celso do Prado, Maria Clara Perino, Ricardo Gottlieb Lindenbojm. São Paulo: Fundação Bienal de São Paulo, 1994. 516 p., il. color. ISBN 85-85298-02-2.

AYALA, Walmir. Dicionário de pintores brasileiros. 2. ed. rev. e ampl. , por André Seffrin. Curitiba: Ed. UFPR, 1997. 428p., il. col.

AXL Leskoschek e seus alunos: Brasil / 1940-1948. Curadoria Frederico Morais; texto Frederico Morais. Rio de Janeiro: Galeria de Arte Banerj, 1985. [60] p., il. p&b. (Ciclo de exposições sobre arte no Rio de Janeiro).

A GRAVURA brasileira. Apresentação Wolfgang Pfeiffer; texto Walmir Ayala, José Roberto Teixeira Leite, Jayme Maurício, Geraldo Ferraz; ilustração de capa Claudio Tozzi. São Paulo: Paço das Artes, 1970. [23] p., s. il.

MOSTRA DE GRAVURA CIDADE DE CURITIBA, 6., 1984. VI Mostra de gravura Cidade de Curitiba: 1984 - Pan-Americana. Curadoria Orlando Dasilva; apresentação Carlos Frederico Marés de Souza Filho; texto Orlando Dasilva, Nello Ponente, Mario Schenberg, Frederico Morais, Lívio Abramo. Curitiba: Fundação Cultural de Curitiba, 1984. 127 p., il. p&b.

MARTINS, Carlos (Coord.). Acervo gravura: doações recentes 1982/1984. Apresentação Alcídio Mafra de Souza, Carlos Martins; fotografia Raul Lima; projeto gráfico Luiz Sergio Leal Bittencourt. Rio de Janeiro: Museu Nacional de Belas Artes, 1984. 36 p., 27 il. p&b.

LAKS, Sergio (Coord.). Gravura moderna brasileira: acervo Museu Nacional de Belas Artes. Curadoria Rubem Grilo; projeto gráfico Suzana Valladares Fonseca, Julie Pires; revisão Soraya Araujo; apresentação Luiz Paulo Fernandez Conde, Helena Severo, Heloisa Aleixo Lustosa; texto Wilson Coutinho, Rubem Grilo, Anna Bella Geiger, Aldo Bonadei, Anna Maria Maiolino, Dionísio del Santo, Eduardo Sued, Lívio Abramo, Sérgio Fingermann, Aldemir Martins, Glênio Bianchetti, Manoel Messias, Marcelo Grassmann, Walter Marques, Mário Gruber. Rio de Janeiro: Museu Nacional de Belas Artes, 1999. 135 p., il. p&b color.

GRAVURA: arte brasileira do século XX. Apresentação Ricardo Ribenboim; texto Leon Kossovitch, Mayra Laudanna, Ricardo Resende. São Paulo: Itaú Cultural : Cosac & Naify, 2000. 270 p., il. color.

GRAVURA de arte no Brasil: proposta para um mapeamento. Traducao Edison Schroder. Rio de Janeiro: Centro Cultural Banco do Brasil, 1992. [24] p., il. p&b., color.

GRAVURA brasileira: quatro temas. Curadoria e texto Nelson Augusto; montagem Gerardo Vilaseca; produção executiva Maria Zulmira Lapido Loureiro; fotografia Pedro Oswaldo Cruz; projeto gráfico Heloisa Faria; texto Frederico Morais, Guy de Maupassant, Plekhanov, Juan-Eduardo Cirlot. Rio de Janeiro: Escola de Artes Visuais do Parque Lage, 1989. 36 p., il. p&b.

12 artistas brasileiros. Texto Paulo Mendes de Almeida. Jerusalen: Belazel Museum Jerusalen, 1960. f. dobrada, il. p&b.

AXL Leskoschek e seus alunos: Brasil / 1940-1948. Curadoria Frederico Morais; texto Frederico Morais. Rio de Janeiro: Galeria de Arte Banerj, 1985. [60] p., il. p&b. (Ciclo de exposições sobre arte no Rio de Janeiro).

AYALA, Walmir. Dicionário de pintores brasileiros. 2. ed. rev. e ampl. , por André Seffrin. Curitiba: Ed. UFPR, 1997. 428p., il. col.

BIENAL BRASIL SÉCULO XX, 1994, SÃO PAULO, SP; AGUILAR, Nelson (org.). Bienal Brasil Século XX: catálogo. Apresentação Edemar Cid Ferreira; texto José Roberto Teixeira Leite, Annateresa Fabris, Tadeu Chiarelli, Maria Alice Milliet, Walter Zanini, Agnaldo Farias; curadoria Nelson Aguilar, José Roberto Teixeira Leite, Annateresa Fabris, Tadeu Chiarelli, Maria Alice Milliet, Walter Zanini, Cacilda Teixeira da Costa, Agnaldo Farias; projeto arquitetônico Ronald Cavaliere, José Roberto Graciano, Tereza Mas Santa Creu, Lia Rafael do Santo; produção Romão Veriano da Silva Pereira, Suzanna Sassoun; montagem Guiomar Morelo, Carlos Verna, Renata Vieira da Motta, Paulo de Tarso Gracia, Celso do Prado, Maria Clara Perino, Ricardo Gottlieb Lindenbojm. São Paulo: Fundação Bienal de São Paulo, 1994. 516 p., il. color.

FERREIRA, Heloisa Pires (org.). Gravura brasileira hoje: depoimentos. Entrevista Anna Letycia; depoimento Antônio Grosso; entrevista Carlos Scliar; entrevistado Dionísio del Santo; entrevista Edith Behring; entrevistado Marília Rodrigues. Rio de Janeiro: Oficina de gravura SESC-Tijuca, 1995. 143 p., il. p&b.

GRAVURA brasileira: quatro temas. Curadoria e texto Nelson Augusto; montagem Gerardo Vilaseca; produção executiva Maria Zulmira Lapido Loureiro; fotografia Pedro Oswaldo Cruz; projeto gráfico Heloisa Faria; texto Frederico Morais, Guy de Maupassant, Plekhanov, Juan-Eduardo Cirlot. Rio de Janeiro: Escola de Artes Visuais do Parque Lage, 1989. 36 p., il. p&b.

GRAVURA de arte no Brasil: proposta para um mapeamento. Tradução Edison Schroder. Rio de Janeiro: Centro Cultural Banco do Brasil, 1992. [24] p., il. p&b., color.

GRAVURA: arte brasileira do século XX. Apresentação Ricardo Ribenboim; texto Leon Kossovitch, Mayra Laudanna, Ricardo Resende. São Paulo: Itaú Cultural : Cosac & Naify, 2000. 270 p., il. color.

LAKS, Sergio (coord.). Gravura moderna brasileira: acervo Museu Nacional de Belas Artes. Curadoria Rubem Grilo; projeto gráfico Suzana Valladares Fonseca, Julie Pires; revisão Soraya Araujo; apresentação Luiz Paulo Fernandez Conde, Helena Severo, Heloisa Aleixo Lustosa; texto Wilson Coutinho, Rubem Grilo, Anna Bella Geiger, Aldo Bonadei, Anna Maria Maiolino, Dionísio del Santo, Eduardo Sued, Lívio Abramo, Sérgio Fingermann, Aldemir Martins, Glênio Bianchetti, Manoel Messias, Marcelo Grassmann, Walter Marques, Mário Gruber. Rio de Janeiro: Museu Nacional de Belas Artes, 1999. 135 p., il. p&b color.

MARTINS, Carlos (coord.). Acervo gravura: doações recentes 1982/1984. Apresentação Alcídio Mafra de Souza, Carlos Martins; fotografia Raul Lima; projeto gráfico Luiz Sergio Leal Bittencourt. Rio de Janeiro: Museu Nacional de Belas Artes, 1984. 36 p., 27 il. p&b.

MOSTRA DE GRAVURA CIDADE DE CURITIBA, 6., 1984. VI Mostra de gravura Cidade de Curitiba: 1984 - Pan-Americana. Curadoria Orlando Dasilva; apresentação Carlos Frederico Marés de Souza Filho; texto Orlando Dasilva, Nello Ponente, Mario Schenberg, Frederico Morais, Lívio Abramo. Curitiba: Fundação Cultural de Curitiba, 1984. 127 p., il. p&b.

MOSTRA DE GRAVURA CIDADE DE CURITIBA, 9., 1990. IX Mostra da Gravura Cidade de Curitiba. Curadoria Uiara Bartira; apresentação Lúcia Camargo; texto Olívio Tavares de Araújo, Annateresa Fabris; fotografia Marcos Campos, Guto Andrade; texto Fernando Calderari, Aloys Senefelder, Lina Benghi, Darel, Paulo Azevedo Chaves, Maria Tomaselli, Sandra Favero, Dodora Guimarães; curadoria e texto Nilza Procopiak; curadoria Alex Gama; texto Julieta Fialho dos Reis; colaboração Julieta Fialho dos Reis, Tania Zaruch; texto Ubirajara Ribeiro. Curitiba: Fundação Cultural de Curitiba, 1990. 140 p., il. p&b.

POÉTICA da resistência: aspectos da gravura brasileira. Apresentação Carlos Eduardo Moreira Ferreira, M. F. do Nascimento Brito; introdução Armando Mattos, Marcus de Lontra Costa; texto Marcus de Lontra Costa; curadoria Armando Mattos, Denise Mattar, Marcus de Lontra Costa. Rio de Janeiro: MAM, 1994. 63 p., il. p&b., color.