Artigo da seção pessoas Tasso da Silveira

Tasso da Silveira

Artigo da seção pessoas
Literatura  
Data de nascimento deTasso da Silveira: 11-03-1895 Local de nascimento: (Brasil / Paraná / Curitiba) | Data de morte 03-12-1968 Local de morte: (Brasil / Rio de Janeiro / Rio de Janeiro)

Biografia

Tasso Azevedo da Silveira (Curitiba Paraná, 1895 - Rio de Janeiro Rio de Janeiro, 1968). Forma-se bacharel em Direito pela Faculdade de Ciências Jurídicas e Sociais, no Rio de Janeiro, em 1818, mesmo ano em que publica seu primeiro livro de poesia, Fio d'Água. No ano seguinte, funda e é diretor das revistas Os Novos, Árvore Nova, Terra do Sol, com Álvaro Pinto, América Latina, com Andrade Muricy e Cadernos da Hora Presente, com Rui de Arruda. Colabora nos jornais O Momento, Rio-Jornal, A Manhã e na Revista Sul-Americana. É secretário dos jornais Diário da Tarde e O Estado e redator do Diário da Manhã. Em 1927 funda a revista Festa, com Andrade Muricy, publicada até 1928. Elege-se deputado estadual em Curitiba PR, em 1930. Nas duas décadas seguintes é professor catedrático de Literatura Portuguesa na Universidade Católica e de Literatura Brasileira no Instituto Santa Úrsula, no Rio de Janeiro. É também funcionário da Casa da Moeda, entre 1930 e 1960. Em 1956, é homenageado com o prêmio Machado de Assis, concedido pela Academia Brasileira de Letras para o conjunto de sua obra. Fazem parte da obra poética de Tasso de Oliveira os livros As Imagens Acesas (1928), Definição do Modernismo Brasileiro (1932), Contemplação do Eterno (1952), Regresso à Origem (1960) e Puro Canto (1962), entre outros. Sua poesia filia-se à segunda geração do Modernismo.

Outras informações de Tasso da Silveira:

  • Outros nomes
    • Tasso Azevedo da Silveira
  • Habilidades
    • Poeta
    • jornalista
    • professor universitário

Fontes de pesquisa (6)

  • ADONIAS FILHO. Tasso da Silveira e o tema da poesia eterna. São Paulo: S. E. Panorama, 1940. (Cadernos de ensaios).
  • AZEVEDO FILHO, Leodegário A. Tasso da Silveira. In: POETAS do modernismo: antologia crítica. Org. Leodegário A. Azevedo Filho. Brasília: INL, 1972. v.4, p.49-77. (Literatura brasileira, 9C).
  • BARRETO, Lima. Dois meninos. In: ___. Impressões de leitura: crítica. Pref. M. Cavalcanti Proença. 2.ed. São Paulo: Brasiliense, 1961. p.159-163. (Obras de Lima Barreto, 13).
  • CACCESE, Neusa Pinsard. Festa: contribuição para o estudo do Modernismo. São Paulo: IEB, 1971. p.190-194.
  • MURICY, Andrade. Tasso da Silveira. In: ___. Panorama do movimento simbolista brasileiro. 2.ed. Brasília: INL, 1973. v.2, p.1086-1112. (Literatura brasileira, 12).
  • RAMOS, Péricles Eugênio da Silva. Tasso da Silveira. In: ___. Poesia moderna: antologia. São Paulo: Melhoramentos, 1967. p.23-25.

Como citar?

Para citar a Enciclopédia Itaú Cultural como fonte de sua pesquisa utilize o modelo abaixo:

  • TASSO da Silveira. In: ENCICLOPÉDIA Itaú Cultural de Arte e Cultura Brasileiras. São Paulo: Itaú Cultural, 2019. Disponível em: <http://enciclopedia.itaucultural.org.br/pessoa22373/tasso-da-silveira>. Acesso em: 22 de Jul. 2019. Verbete da Enciclopédia.
    ISBN: 978-85-7979-060-7
abrir pesquisa
;