Artigo da seção pessoas Bernardo Carvalho

Bernardo Carvalho

Artigo da seção pessoas
Teatro / literatura  
Data de nascimento deBernardo Carvalho: 05-09-1960 Local de nascimento: (Brasil / Rio de Janeiro / Rio de Janeiro)

Bernardo Teixeira de Carvalho (Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 1960). Romancista, contista, jornalista e tradutor. Em 1983, forma-se jornalista pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC/RJ). Na década de 1980, radica-se na cidade de São Paulo e, a partir de 1986, começa a trabalhar na Folha de S.Paulo, em que exerce função de diretor do suplemento de ensaios “Folhetim”. Atua como correspondente internacional em Paris e Nova York e, entre 1998 e 2008, colunista fixo do caderno de cultura “Ilustrada”. Com dissertação a respeito da obra do diretor alemão Wim Wenders (1945), obtém grau de mestre em cinema pela Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo (ECA/USP) em 1993. Neste ano, lança a coletânea de contos Aberração, que marca a estreia na literatura. Seu primeiro romance, Onze, é de 1995 e, desde então, tem publicado traduções e exercido a função de crítico literário. Seu mais recente romance, O Filho da Mãe, é de 2009.

Análise

Bernardo Carvalho estreia como contista, mas alcança reconhecimento como romancista. A passagem de um gênero para outro não demonstra uma ruptura radical entre as publicações iniciais e posteriores. Nos contos de Aberração, estão presentes temas e expedientes formais que marcam seus livros seguintes. Exemplos são o tema do desaparecimento e a utilização da narrativa epistolar (em "A Música") e a preferência dada a personagens desajustados, como no conto "O Olho no Vento".

Nove Noites (2006), um dos romances de maior êxito, é composto por instâncias narrativas que misturam registros de cartas, páginas e anotações de diário e algumas reproduções de fotografias. Tal estrutura ilustra a perspectiva estilhaçada do narrador, que busca reconstituir história e personagem obscuros e vacilantes e termina por exigir variações estilísticas para distinguir a escrita de personagens da do narrador. Os diferentes estilos ressaltam a individualidade de cada personagem por meio de sua forma de expressão. No entanto, mesmo com tais variações, a prosa de Bernardo Carvalho é concisa.

Assim como o narrador de Nove Noites, outros personagens deparam-se com figuras marcadas pelo signo do desaparecimento, sob circunstâncias misteriosas. É o que ocorre nos romances Os Bêbados e os Sonâmbulos (1996) e Mongólia (2003), por exemplo. A forma mais utilizada para representar a relação do sujeito contemporâneo (descentrado, perdido) com aquilo que lhe é familiar e com as suas figuras de alteridade é a do personagem que empreende uma busca fracassada por personagens desaparecidos.

Outras informações de Bernardo Carvalho:

  • Outros nomes
    • Bernardo Teixeira de Carvalho
  • Habilidades
    • dramaturgista
    • jornalista
    • Romancista
    • Contista
    • Tradutor

Obras de Bernardo Carvalho: (1) obras disponíveis:

Espetáculos (3)

Artigo sobre BR-3

Artigo da seção eventos
Temas do artigo: Teatro  
Data de inícioBR-3: 13-10-2007  |  Data de término | 28-10-2007
Resumo do artigo BR-3:

Centro Cultural Ação da Cidadania

Exposições (1)

Eventos relacionados (1)

Fontes de pesquisa (9)

  • MATA, André Luís Nunes da.  À Deriva: Espaço e Movimento em Bernardo Carvalho. Artigo Científico, UnB, 2004.
  • CARVALHO, Bernardo. Aberração. Companhia das Letras: São Paulo, 1993.
  • CARVALHO, Bernardo. Mongólia. Companhia das Letras: São Paulo, 2003.
  • CARVALHO, Bernardo. Nove noites. São Paulo: Companhia das Letras, 2002.
  • CARVALHO, Bernardo. Onze. Companhia das Letras: São Paulo, 1995.
  • CARVALHO, Bernardo. Os bêbados e os sonâmbulos. Companhia das Letras: São Paulo, 1996.
  • FIRMINO, Caroline. Valor e Paranóia em Bernardo Carvalho. 2004.106 f. Dissertação (Mestrado em Literatura Brasileira e Teoria Literária) - Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC, Florianópolis, 2004.
  • Programa do Ciclo de Leituras Dramáticas, 2010.
  • Programa do Espetáculo - BR-3 - RJ, 2007.

Como citar?

Para citar a Enciclopédia Itaú Cultural como fonte de sua pesquisa utilize o modelo abaixo:

  • BERNARDO Carvalho. In: ENCICLOPÉDIA Itaú Cultural de Arte e Cultura Brasileiras. São Paulo: Itaú Cultural, 2019. Disponível em: <http://enciclopedia.itaucultural.org.br/pessoa16802/bernardo-carvalho>. Acesso em: 19 de Nov. 2019. Verbete da Enciclopédia.
    ISBN: 978-85-7979-060-7