Artigo da seção pessoas Nelson de Oliveira

Nelson de Oliveira

Artigo da seção pessoas
Artes visuais / literatura  
Data de nascimento deNelson de Oliveira: 16-08-1966 Local de nascimento: (Brasil / São Paulo / Guaíra)

Biografia

Nelson de Oliveira (Guaíra SP 1966). Romancista, contista, cronista, ensaísta. Muda-se com a família para Barretos, em 1970, e dois anos depois para Bauru. Instalam-se em São Joaquim da Barra, em 1974, onde Nelson completa o curso primário e inicia o secundário. Para concluir o colegial, muda-se para Ribeirão Preto, em 1984. Chega por fim a São Paulo, no ano seguinte, para cursar artes plásticas na Universidade Mackenzie. Forma-se em 1988 e desde então trabalha como diretor de arte em diversas editoras. Em 1989, é selecionado, ao final de uma oficina literária ministrada pelo escritor João Silvério Trevisan (1944), para uma bolsa da Secretaria de Estado da Cultura de São Paulo, com a qual escreve os contos de Fábulas. O livro recebe o Prêmio Casa de las Américas, é lançado em Cuba, em 1995, e desdobra-se, no Brasil, em quatro diferentes títulos: Os Saltitantes Seres da Lua, 1997; Naquela Época Tínhamos um Gato, 1998; Treze, 1999 e Algum Lugar em Parte Alguma, 2005. Organiza, em 2001, a antologia Geração 90: Manuscritos de Computador, reunindo os principais prosadores brasileiros do final do século XX , lançando com ela o conceito de "geração 90". Desde 2004, usa o pseudônimo Luiz Bras para sua produção de literatura infantil e juvenil.

Outras informações de Nelson de Oliveira:

  • Outros nomes
    • Nelson Luiz Garcia de Oliveira
  • Habilidades
    • romancista
    • ensaísta
    • contista
    • cronista

Midias (1)

Formado em artes plásticas, o escritor paulista Nelson de Oliveira trabalha como editor de arte e, em suas horas vagas, dedica-se à literatura. Segundo ele, seus textos vêm do cotidiano. “Isso é curioso porque a maioria dos contos e romances que escrevi têm uma ambientação fantástica, sobrenatural”, observa. “Vejo a realidade mais banal, as relações sociais, a forma como as pessoas se comportam no dia a dia de um modo que se aproxima do bizarro.” Num processo intuitivo, a morte e suas múltiplas facetas e o sexo são temas recorrentes de seus textos. Um de seus trabalhos de maior destaque, as duas antologias Geração 90, reúne autores contemporâneos a ele. “Eu as organizei para provocar reações num ambiente que, a meu ver, estava morno. Funcionou: gerou polêmica, discussão e críticas positivas e negativas.” Reações que vão de encontro ao que Oliveira considera a boa literatura, que é a que incomoda as pessoas.

Captação e edição (Libras): Sacisamba
Intérprete: Erika Mota (terceirizada)
Locução: Júlio de Paula (terceirizado)

Exposições (11)

Eventos relacionados (13)

Artigo sobre O Espaço Público ou A Profissionalização da Escrita Cancela o Poder Contestador da Linguagem Ficcional? (2009 : São Paulo, SP)

Artigo da seção eventos
Temas do artigo:  
Data de inícioO Espaço Público ou A Profissionalização da Escrita Cancela o Poder Contestador da Linguagem Ficcional? (2009 : São Paulo, SP): 22-05-2009  |  Data de término | 22-05-2009
Resumo do artigo O Espaço Público ou A Profissionalização da Escrita Cancela o Poder Contestador da Linguagem Ficcional? (2009 : São Paulo, SP):

Itaú Cultural

Como citar?

Para citar a Enciclopédia Itaú Cultural como fonte de sua pesquisa utilize o modelo abaixo:

  • NELSON de Oliveira. In: ENCICLOPÉDIA Itaú Cultural de Arte e Cultura Brasileiras. São Paulo: Itaú Cultural, 2017. Disponível em: <http://enciclopedia.itaucultural.org.br/pessoa106178/nelson-de-oliveira>. Acesso em: 14 de Dez. 2017. Verbete da Enciclopédia.
    ISBN: 978-85-7979-060-7