Artigo da seção grupos Cia. de Comédia Os Melhores do Mundo

Cia. de Comédia Os Melhores do Mundo

Artigo da seção grupos
Teatro  

Histórico
A Cia. de Comédia Os Melhores do Mundo nasce em 1995, quando o grupo A Culpa É da Mãe (1991-1995) se desfaz. O coletivo reúne os fundadores Adriana Nunes, Ricardo Pipo e Welder Rodrigues - juntos desde a peça A Culpa É da Mãe (1991) - a Adriano Siri, Jovane Nunes e Victor Leal. O grupo começa a se apresentar fora da capital federal, até que se muda para o Rio de Janeiro, em 2000. Na cidade, seus componentes fazem trabalhos na televisão, principalmente em programas da Rede Globo, como Casseta e Planeta, Zorra Total, Malhação e Linha Direta. Essa colaborações impulsionam a visibilidade nacional e ampliam o êxito comercial da companhia, que se orgulha de manter "uma relação de companheirismo e respeito mútuo" nos "ajustes de interesses individuais em coletivos".1

Desde a primeira montagem, o grupo trabalha com improviso, humor e inserção de cacos, compondo uma imagem bem planejada de irreverência nas várias peças mantidas em repertório, como Hermanoteu na Terra de Godah (1995), Sexo - A Comédia (1996), Notícias Populares (1997) ou Dingou Béus (1998). Todos os espetáculos são elaborados a partir da criação coletiva e trazem diálogos com elementos prosaicos e de senso comum difusos pela cultura de massa. Isso ocorre também em peças que satirizam personagens clássicos, como Hamlet, ou bíblicos, como Hermanoteu, sempre partindo "da troca de ideias e da observação do que está em evidência no dia a dia (programas de TV, comerciais, informações via internet ou acontecimentos políticos)".2 Na busca pela empatia em todos os lugares em que se apresenta, o coletivo utiliza referências locais nas piadas e cenas. Eventos correntes atualizam o conteúdo cômico de seu repertório.

A jornalista Lúcia Cerrone, do Jornal do Brasil, analisa que Sexo - A Comédia, apesar de utilizar situações clichês, é "uma comédia em alto estilo de humor".3 Segundo a revista Época, o grupo trata de temas importantes, que refletem momentos de crise no Brasil de maneira divertida e despretensiosa, com "humor politicamente incorreto sem cair no óbvio da chacota preconceituosa".4 A peça é considerada a mais vista da história de Brasília, segundo o Correio Braziliense.

Em 2000, a remontagem de Hermanoteu na Terra de Godah conta com a parceria do humorista Chico Anysio no papel de Deus, em gravação off. Após apresentar o personagem Joseph Klimber, do espetáculo Notícias Populares, em programa televisivo de entrevistas em 2006, o vídeo ganha projeção nacional como um dos mais acessados da internet. Em 2010, na seleção de Sérgio Maggio e Marina Severino do Correio Braziliense dos 50 espetáculos mais importantes nos 50 anos da cidade, os jornalistas incluem na lista A Culpa É da Mãe e Notícias Populares pelo "humor que vai além do besteirol, forte influência inicial do grupo" e pela "dramaturgia crítica e amarrada em ótimos esquetes".5 O grupo é considerado impulsionador de várias companhias de besteirol da capital federal, como G-7, De 4 É Melhor e Sete Belos, entre outros.

Notas
1 Os Melhores do Mundo/Adriano Siri, Cia. de Comédia Os Melhores do Mundo. In VILLAR, Fernando Pinheiro; CARVALHO, Eliezer Faleiros de. Histórias do teatro brasiliense. Brasília: CEN-IdA: UnB, 2004, p. 223.

2 CALDAS, Renata. Usina de ideias. Correio Braziliense, 22 jun. 2003, Caderno C.

3 CERRONE, Lúcia. A graça da vez não tem apelação. Jornal do Brasil, 2 jul. 1998.

4 FRANZOLA, Ana Paula; GARCIA, Lauro Lisboa. Talento para rir na crise. Época, 21 out. 2002, p. 108-109. 

5 MAGGIO, Sérgio; SEVERINO, Marina. 50 espetáculos que marcaram Brasília. Correio Braziliense, 9 mai. 2010, p. 4-5.

Espetáculos (1)

Fontes de pesquisa (7)

  • CALDAS, Renata. Usina de ideias. Correio Braziliense, 22 jun. 2003, Caderno C.
  • CARVALHO, Eliezer Faleiros de. Breve panorama histórico do teatro brasiliense. In Histórias do teatro brasiliense. Brasília:CEN-IdA: UnB, 2004.
  • CERRONE, Lúcia. A graça da vez não tem apelação. Jornal do Brasil, 2 jul. 1998. 
  • FRANZOLA, Ana Paula; GARCIA, Lauro Lisboa. Talento para rir na crise. Época, 21 out. 2002, p. 108-109. 
  • MAGGIO, Sérgio; SEVERINO, Marina. 50 espetáculos que marcaram Brasília. Correio Braziliense, 9 mai 2010, p. 4-5.
  • SIRI, Adriano; Os Melhores do Mundo, "Cia. de Comédia Os Melhores do Mundo", in VILLAR e CARVALHO (orgs.), (2004), p. 223.
  • VILLAR, Fernando Pinheiro; CARVALHO, Eliezer Faleiros de (org.). Histórias do teatro brasiliense. Brasília: CEN-IdA: UnB, 2004.

Como citar?

Para citar a Enciclopédia Itaú Cultural como fonte de sua pesquisa utilize o modelo abaixo:

  • CIA. de Comédia Os Melhores do Mundo. In: ENCICLOPÉDIA Itaú Cultural de Arte e Cultura Brasileiras. São Paulo: Itaú Cultural, 2017. Disponível em: <http://enciclopedia.itaucultural.org.br/grupo487407/cia-de-comedia-os-melhores-do-mundo>. Acesso em: 20 de Ago. 2017. Verbete da Enciclopédia.
    ISBN: 978-85-7979-060-7