Resultados encontrados buscando por “Teatro de Bonecos” em Obras e Literatura

(12) artigos disponíveis
Apresentação do conteúdo em Grid Grid
Apresentação do conteúdo em Lista Lista
Limpar Filtros

Artigo sobre A vida como ela é ...

Artigo da seção obras
Temas do artigo: Literatura  
Data de criaçãoA vida como ela é ...: 1961
Autores da obra:
Resumo do artigo A vida como ela é ...:

Organizada em 1961 pelo próprio autor, a coletânea A vida como ela é... reúne cem textos publicados na coluna homônima que Nelson Rodrigues (1912-1980) mantinha, desde 1951, no jornal Última Hora . Chamadas de crônicas, as narrativas não têm como matéria-prima direta as notícias, embora os enredos se assemelhem ao noticiário policial. Tais características lhes conferem certa ambiguidade de

Artigo sobre Crônica da Casa Assassinada

Artigo da seção obras
Temas do artigo: Literatura  
Data de criaçãoCrônica da Casa Assassinada: 1959
Autores da obra:
Imagem representativa do artigo
Legenda da imagem representativa do artigo:

Reprodução Fotográfica Horst Merkel

Resumo do artigo Crônica da Casa Assassinada:

Análise Crônica da Casa Assassinada (1959) é a obra máxima do romancista, poeta e dramaturgo Lúcio Cardoso (1913-1968) . De acordo com o pesquisador Mario Carelli (1951-1994), pode-se dizer que o “percurso humano e artístico” de Cardoso “desemboca” nesse romance.Trata-se do ápice da trajetória iniciada em 1934, com Maleita , afinado com a tendência regionalista dominante na época.

Artigo sobre Quarto de Despejo: diário de uma favelada

Artigo da seção obras
Temas do artigo: Literatura  
Data de criaçãoQuarto de Despejo: diário de uma favelada: 1960
Autores da obra:
Resumo do artigo Quarto de Despejo: diário de uma favelada:

Análise Quarto de despejo: diário de uma favelada é a primeira e mais conhecida obra da escritora Carolina Maria de Jesus. O impacto causado pelo diário na mídia e em setores do meio literário nacionais deve-se, sobretudo, à experiência social narrada como testemunho pela autora. Nascida em Sacramento, Minas Gerais, Carolina Maria de Jesus transfere-se para São Paulo em 1937, onde trabalha